Futebol

'Vai ajudar muito', diz jornalista sobre Nenê

Nenê disse, em entrevista ao jornal "Extra", que se via encerrando a carreira no Vasco. O ano era 2016 e, na época, certamente, não imaginava as voltas que daria antes que sua profecia ficasse mais próxima de acontecer.

Aos 40 anos, o meia voltou a São Januário e assinou contrato até dezembro de 2022. Três anos e oito meses depois da despedida e com a difícil missão de ajudar no acesso à Série A.

Após passar por São Paulo e Fluminense, Nenê foi contratado para ajudar em campo. O Vasco é o décimo colocado na Série B, oito pontos atrás do G-4, faltando 15 rodadas. Mas tem outra tarefa: ser líder em um elenco jovem e com emocional abalado (reencontrará Pec, quem conheceu ainda menino em 2016, por exemplo) e referência a uma torcida machucada pelos maus resultados e carente de ídolos.

Entre 2015 e 2017, ele foi protagonista de um Vasco que já não andava bem das pernas, mas ainda fazia frente aos rivais e conquistava títulos. Como o Campeonato Carioca de 2016, principalmente. Ainda ganhou a Taça Guanabara de 2016 e a Taça Rio de 2017.

- O Nenê tem uma história no Vasco. É o quarto maior artilheiro do clube no século XXI. Acima dele só Romário, Elton e Leandro Amaral. Fez 44 gols, foi campeão estadual e tem toda uma identificação com torcedor. Inclusive, na época, achei um erro o Vasco o liberar para o São Paulo. Acho uma contratação importante, até para ajudar o Cano com experiência. É um jogador que é comprometido com Vasco, gosta do clube, e o torcedor gosta dele - opinou o comentarista Lédio Carmona.

Pelo Vasco, Nenê disputou 132 jogos, fez 44 gols e deu 33 assistências - contando três amistosos. Tudo começou em 2015, quando foi contratado pelo então presidente Eurico Miranda. Na época, aos 34, retornava ao Brasil após 12 anos na Europa. Logo caiu nas graças do torcedor. O Vasco, antes lanterna, brigou contra o rebaixamento no Brasileiro até a última rodada, mas, apesar da campanha de recuperação, não evitou a queda.

Valorizado no início de 2016, Nenê teve várias propostas, inclusive do Flamengo. Após uma negociação desgastante, no entanto, recebeu aumento salarial e renovou. Deu certo, o meia brilhou no Campeonato Carioca, foi campeão e eleito o melhor jogador da competição.

Maiores artilheiros do Vasco no século XXI

Romário 131
Élton 52
Leandro Amaral 51
Nenê 44
Pikachu 40
Alecsandro 39
Cano 38
Morais 38

O casamento, no entanto, nem sempre foi um mar de flores. Os constantes atrasos salariais estremeceram a relação e, dentro de campo, Nenê teve altos e baixos a ponto de ser barrado, por um período, pelo então técnico Milton Mendes. Antes de sair, porém, o meia foi importante no Campeonato Brasileiro de 2017 e ajudou o Vasco a conquistar uma vaga na Libertadores.

No ano seguinte, com proposta do São Paulo e cinco meses de salários atrasados, pediu para sair e entrou em acordo com outro presidente, Alexandre Campello.

No ano passado, incomodado pelo fato de o clube não ter cumprido o acordo de rescisão, Nenê processou o Vasco e cobrou na Justiça uma dívida de R$ 2,8 milhões. Com o processo em andamento, um novo acordo foi feito. E o clube se comprometeu a pagar R$ 1,2 milhão. Na negociação de retorno, a dívida não fez parte da celebração do novo contrato.

"Vai ajudar muito", diz Lédio

Muitos gostam, alguns torcem o nariz, mas ninguém nega que Nenê foi importante na história recente do Vasco. Quase quatro anos depois, no entanto, o quarentão já não é o mesmo jogador que deixou São Januário em janeiro de 2018. Será que ele ainda terá força para mais uma vez reerguer o Vasco e ajudar o time no acesso? Na opinião de Lédio Carmona, a volta à elite é difícil, mas Nenê tem tudo para ir bem:

- Acho uma boa contratação. O elenco do Vasco tem muitos garotos no meio de campo, com pouca efetividade em termos de experiência e até para se impor contra os adversários dentro de campo. Por mais veterano que o Nenê seja, os adversários o respeitam. Ele traz peso para o elenco, tem uma história no futebol. Tem que ser uma contratação racionalmente financeira. Se o Vasco conseguir fazer essa equação, vai ajudar. Não sei se vai conseguir o acesso, pois está muito difícil. Mas dá um pouco de estofo, tranquilidade e bagagem ao time dentro de campo. Acho uma contratação, nesse momento, emergencial e vai ajudar bastante.

Nenê treinará nesta quarta-feira no CT Moacyr Barbosa pela primeira vez com os novos companheiros. A contratação teve aval de Fernando Diniz, com quem trabalhou no Fluminense em 2019. O Vasco tenta regularizá-lo para viajar nesta tarde e estar à disposição de enfrentar o CRB, quinta-feira, em Maceió.

Destaque no ano passado do Fluminense, ele perdeu espaço nessa temporada. Foram 37 jogos (27 como titular), cinco gols e seis assistências em 2021. Contratado em julho de 2019, ao todo Nenê fez 118 jogos, marcou 28 gols e deu 16 assistências.

Fonte: ge
Loading...
  • Quinta-feira, 16/09/2021 às 19h00
    Vasco Vasco 1
    CRB CRB 1
    Campeonato Brasileiro - Série B Rei Pelé
  • Domingo, 19/09/2021 às 16h00
    Vasco Vasco
    Cruzeiro Cruzeiro
    Campeonato Brasileiro - Série B São Januário
  • Sexta-feira, 24/09/2021 às 21h30
    Vasco Vasco
    Brusque Brusque
    Campeonato Brasileiro - Série B Augusto Bauer
  • Segunda-feira, 27/09/2021 às 20h00
    Vasco Vasco
    Goiás Goiás
    Campeonato Brasileiro - Série B São Januário
  • Sexta-feira, 01/10/2021 às 21h30
    Vasco Vasco
    Confiança Confiança
    Campeonato Brasileiro - Série B Arena Batistão
  • Sábado, 09/10/2021 às 16h30
    Vasco Vasco
    Sampaio Corrêa Sampaio Corrêa
    Campeonato Brasileiro - Série B Castelão-MA
  • A definir
    Vasco Vasco
    Coritiba Coritiba
    Campeonato Brasileiro - Série B A definir