Valentim acredita que torcedores poderão ir ao Maracanã com segurança

12/02/2019 às 19h35 - FUTEBOL

Rio - A previsão de forte chuva na cidade não fechou o tempo na Colina. Focado na semifinal da Taça Guanabara, o técnico Alberto Valentim recebeu bem a confirmação do jogo contra o Resende, nesta quarta-feira, às 21h30, no Maracanã. Após suspender as aulas nas escolas da rede pública municipal e estadual, a Prefeitura do Rio sugeriu à Federação de Futebol (Ferj) e aos clubes o adiamento do confronto para quinta-feira, em São Januário, no mesmo dia do Fla-Flu. O conflito das agendas motivou o veto da Polícia Militar.

Com a cidade em estado de alerta, a Ferj cancelou a venda de ingressos para a semifinal. No entanto, mais de 12 mil já haviam sido vendidos. Com o Vasco pronto e com força máxima, Alberto Valentim revelou que faria um esforço para acompanhar o jogo. Mesmo ciente do risco de temporal, ele acredita na segurança do torcedor porque a semifinal não foi adiada.

"Eu iria (se fosse torcedor). Se vai ter o jogo, é porque de uma forma ou outra vai ter condições para que você chegue com segurança e depois volte para casa. A gente fica torcendo para que as condições sejam ótimas para que o torcedor assista ao jogo. A gente não quer ficar adiando o jogo, mas também não quer que ninguém corra risco de ficar ilhado. Que todo mundo consiga chegar", destacou o treinador.

Com 100% de aproveitamento na Taça Guanabara, o Vasco tem apenas uma dúvida para a decisão. Testado na segunda-feira entre os titulares, Thiago Galhardo leva uma pequena vantagem na disputa com Bruno César, principal reforço do Vasco em 2019.

Fonte: O Dia