Vasco acerta empréstimo sem custos de Jairinho, destaque do Bangu

16/04/2019 às 17h44 - FUTEBOL

Próximo do acerto com Valdivia, do Internacional - o agente Jair Peixoto vem ao Rio de Janeiro para finalizar os trâmites do empréstimo -, e com Marcos Junior, volante do Bangu, que vai assinar por três anos com o Vasco, a diretoria vascaína acertou a contratação por período mais curto de Jairinho, também do time da zona oeste.

O contrato será de empréstimo até o fim de 2019, com opção de compra para novo contrato de dois anos. O empréstimo gratuito foi finalizado nesta tarde de terça-feira entre os presidentes Alexandre Campello, do Vasco, e Jorge Varela, do Bangu, com a participação do empresário de Jairinho, o agente Rodrigo Mendes, e Regis Marques, que intermediou a contratação do ponta.

Está previsto que Jairinho realize exames médicos até o fim da semana, para ser anunciado como nova contratação do Vasco para o restante da temporada de 2019.

A ideia original do Vasco era fazer contrato de três anos com Jairinho, mas houve confusão sobre a data de nascimento do atleta - que aparecia com 22 anos em sites informativos de futebol, mas na verdade tem 28. 

O site "FutRio" contou a trajetória de Jairinho - Jairo Santos de Oliveira Filho, nascido em 9 de agosto de 1990 -, que tem contrato com o Bangu até 30 de novembro deste ano. O jogador desistiu da carreira de atleta de futebol para ajudar nas contas da família, num sacolão.

- Meu pai, minha mãe e minha filha me trouxeram até aqui. Eu voltei a jogar a futebol por eles. Eu tinha parado de jogar futebol e passei a trabalhar em sacolão. Mas todo final de expediente eu chorava. Eu chegava em casa 2h da manhã e tinha que sair às 5h. Deus me deu um dom e eu não poderia enterrar meu talento. Comecei a batalhar tudo de novo. Joguei num dos maiores palcos do mundo. Só tenho a agradecer a Deus e a minha família - disse Jairinho.

O atacante fez seis gols em sete jogos pelo Campo Grande em 2017 e chamou a atenção do então treinador Alfredo Sampaio num amistoso contra o Bangu.

Fonte: GloboEsporte.com