Vasco ainda não respondeu Atlético-MG sobre última oferta por Marrony

11/06/2020 às 08h28 - MERCADO

O Vasco ainda não deu uma resposta ao Atlético-MG sobre a última oferta de compra por Marrony. O acordo, esperado inicialmente na última segunda-feira (8), foi novamente adiado depois de o presidente cruz-maltino Alexandre Campello ter uma reunião inadiável que visa a eleição do clube, que será realizada no fim do ano.

Os mineiros propuseram desembolsar cerca de 3,5 milhões de euros (R$ 19,8 milhões na cotação atual) de forma parcelada aos cariocas no mercado da bola. O que inviabilizou o desfecho positivo até aqui é justamente o método de pagamento. O time de São Januário queria o dinheiro à vista, o que está praticamente descartado.

A presença de Alexandre Campello na reunião de ontem (10) era obrigatória. Preso no compromisso político, o mandatário vascaíno precisou deixar as tratativas pela venda de Marrony em segundo plano. O Atlético permanece à espera de uma resposta dos dirigentes cariocas para anunciar o atleta de 21 anos como o terceiro reforço desde a contratação de Jorge Sampaoli.

Marrony é justamente um pedido do técnico argentino ao departamento de futebol alvinegro. O jovem apareceu na lista do treinador antes mesmo do acordo para assumir o time por duas temporadas. A ideia é que ele seja um dos reforços para jogar pelos lados do campo na Cidade do Galo.

O estafe do atleta já acertou as bases salariais e o tempo de contrato em uma eventual mudança para Belo Horizonte. Eles, inclusive, informaram a situação à diretoria vascaína, que até temia perdê-lo em uma disputa judicial por causa de três meses de atraso nos salários e oito nos direitos de imagem.

Fonte: UOL Esporte