Vasco corre contra o tempo para concluir fase do CT em setembro

29/07/2020 às 08h21 - FUTEBOL

O complexo processo de instalação das redes elétrica e hidráulica que atenderão o novo CT do Vasco é um dos motivos que ajuda a explicar o atraso na conclusão da obra. A expectativa é de que o serviço, a cargo de concessionárias, seja concluído em agosto para, então, inaugurar o local no começo de setembro.

Na terça-feira, a direção anunciou o adiamento do "Seu Jogo-Treino no Nosso CT" para 12 de setembro - trata-se do evento no qual torcedores jogarão futebol nos dois futuros campos que receberão os treinos do time profissional. Anteriormente, a ação ocorreria em 22 de agosto, um dia depois do aniversário de 102 anos do clube de São Januário e da data estimada para a inauguração. Era o indicativo de um novo cronograma da construção.

Desde o começo da pandemia do novo coronavírus, em março, o ritmo do trabalho foi afetado. Por medidas de segurança, o Vasco se adequou a protocolos de segurança e algumas etapas da obra demoraram mais do que o normal. Mesmo assim, dada a dedicação e empenho dos responsáveis, conseguiu avanços importantes no período, como o início da construção dos dois campos, a colocação de muros no entorno do terreno e a recente chegada dos módulos das futuras edificações (veja o que foi feito em julho abaixo).

A Light é a responsável por levar energia elétrica ao CT. O clube fez o pedido e aguarda a execução do serviço, previsto para iniciar em 6 de agosto (veja mais detalhes no comunicado da empresa). Em maio, postes foram colocados na Avenida Arroio Fundo, em Jacarepaguá, a via de acesso ao terreno. É necessário, porém, a instalação, por exemplo, de um transformador, afinal, a carga de luz necessária para abastecer o local é maior do que a já disponibilizada para iluminação pública.

O abastecimento de água depende da Cedae. Porém, o Vasco ainda não finalizou a construção da rede interna para poder recebê-la. Caso os serviços demorem mais do que o previsto, uma alternativa cogitada é usar geradores elétricos e caminhões-pipa - o vizinho Fluminense, mesmo tendo inaugurado o seu CT em 2016, até hoje usa deste expediente. No caso do Vasco, poços artesianos também estão sendo construídos.

Atualmente, operários montam os módulos habitacionais. A sala de imprensa foi concluída, e o vestiário está parcialmente finalizado. Depois disso, os dois gramados devem ser plantados.

O que foi feito no CT em julho

  • Drenagem e irrigação do campo 1 e 2 (falta plantio da grama).
  • Contratação das balizas dos quatro gols.
  • Contratação do alambrado para os dois campos.
  • Conclusão do muro frontal e lateral (direito e esquerdo).
  • Início da colocação do muro dos fundos do terreno.
  • Fundações concluídas para recebimento dos módulos habitacionais.

"A Light vai iniciar a obra no dia 06/08 (em caso de chuva, o serviço será adiado), e a previsão é que a energia esteja ligada até o dia 11/08. É importante ressaltar que o serviço só poderá ser executado se o padrão de ligação de energia do Centro de Treinamento, de responsabilidade do cliente, estiver montado de acordo com as normas técnicas Recon-BT.

A empresa informa que o processo – iniciado em junho, junto à Prefeitura do Rio – só teve sua licença liberada na última sexta-feira (24/07)."

O Vasco constrói o CT com doações de torcedores e patrocinadores. Mais de R$ 5,3 milhões foram arrecadados. Quem tiver interesse em ajudar, pode fazê-lo pelo site Nosso CT.

Fonte: GloboEsporte.com