Vasco cria estratégia para evitar desgaste físico de Germán Cano

08/09/2020 às 08h05 - FUTEBOL

Para não ficar sem o seu artilheiro, o Vasco economiza alguns minutos de German Cano, que disputou todos os dez jogos do clube depois do fim da paralisação do futebol por conta da pandemia. A intenção é preservá-lo de um desgaste físico para que atue no máximo de jogos possíveis.

- Queremos otimizar ao máximo a participação dele para que perca o mínimo de partidas - esclareceu o diretor de futebol do clube, André Mazzuco.

São cinco gols em sete partidas pelo Brasileiro, uma pela Copa do Brasil e duas pelo Estadual. Na competição por pontos corridos, da qual o Vasco é quarto colocado, Cano foi preservado de forma progressiva nos últimos jogos.

Contra o Fluminense, saiu quando faltavam dez minutos para o fim do jogo, em que o Vasco acabou derrotado. Em seguida, diante do Santos, teve tempo de deixar a sua marca antes de sais aos 30 do segundo tempo. Na última partida, diante do Athletico-PR, foram 26 minutos economizados.

O último confronto em que Cano atuou por 90 minutos foi o da Copa do Brasil, contra o Goiás, vencido pelo Vasco. Depois disso, o técnico Ramon Menezes passou a usar Ribamar na vaga do argentino. E também lançou Guilherme Parede. Nenhum dos dois conseguiu balançar as redes ao substituir o artilheiro nos últimos jogos.

— A gente tem tirado o Cano, e ele sabe que é o desgaste. Ele não está deixando de ter as suas oportunidades. Ribamar tem entrado. Com sua características de atacar sempre espaço e pressionar os zagueiros. Quando ele entra, o time sai de trás — afirmou Ramon.

Com cinco gols no Campeonato Brasileiro, um a menos que Thiago Galhardo, do Internacional, Cano é o vice-artilheiro da competição. O atacante tem um a mais que Fellipe Bastos, do Vasco, e que Gabigol, do Flamengo.

Na próxima quinta-feira, o Vasco recebe o Atlético-GO em São Januário, e a expectativa é que Cano esteja disponível outra vez.

O time sofre com uma série de desfalques. Preservado contra Santos e Athletico-PR, o zagueiro Leandro Castán pode reaparecer. O lateral-esquerdo Henrique, que estava suspenso, volta a ficar à disposição. Mas Neto Borges agradou no domingo. São seis jogadores indisponíveis por testes positivos para Covid-19: Guilherme Parede, Lucão, Ricardo, Werley, Vinícius e Breno. Juninho, lesionado, segue fora.

Fonte: Extra