Vasco descarta escalar Maxi no sacrifício e atacante não deve jogar na 4ª

13/11/2018 às 18h46 - FUTEBOL

O atacante Maxi López dificilmente vai estar em campo contra o Atlético-PR, nesta quarta-feira (14), em São Januário. O atacante segue com dores no pé direito devido ao corte profundo sofrido na partida contra o Grêmio. O jogador precisou levar sete pontos no local. Para estar em campo, Maxi López está realizando tratamento intensivo a base de fisioterapia e medicamentos, visando diminuir a inflamação. Apesar disso, não há otimismo por parte do departamento médico.

Para jogar, Maxi López terá que calçar as chuteiras, o que hoje ainda é um problema. Ele sente muitas dores no pé direito. Caso suporte a dor, o atacante pode não ter a confiança necessária para disputar uma dividida ou dar um chute a gol. Ainda tem a questão do ferimento ser um fato público, inclusive para os adversários. É possível que o jogador possa levar uma pancada no mesmo local, o tirando da partida com 10, 15 minutos.

Quanto ao uso de anestésicos, essa possibilidade foi descartada por dois motivos. A primeira é o tempo de duração, que deixaria o jogador sem dor por cerca de 30 minutos e não pelo tempo inteiro de uma partida. O segundo é que com a ausência da dor, o ferimento pode piorar, existindo o risco de causar uma necrose, que é o apodrecimento do local. Todos os fatores levam a crer que Maxi López não estará em campo contra o Atlético-PR. No entanto o argentino deve concentrar com o restante do elenco.

Existe uma possibilidade muito pequena dele estar melhor no dia da partida, podendo ter condições de jogar. Porém caso fique de fora, Maxi López não tem o retorno garantido no jogo contra o Corinthians, sábado, em São Paulo. Essa resposta será dada a partir da evolução do quadro clínico do atleta ao longo dos dias.

Sem Maxi López, Andrés Rios é a opção

Caso Maxi López seja vetado, o compatriota Andrés Rios terá a missão complicada de substituir o xodó da torcida. Apesar de ser o vice-artilheiro do Vasco na temporada com 12 gols, e o segundo jogador que mais entrou em campo, com 52 jogos, Rios perdeu espaço no time. O atacante não atua desde a derrota do Vasco para o Sport por 2 a 1, na Ilha do Retiro. Já são três partidas no banco, contra Internacional, Fluminense e Grêmio.

Foto: André Durão Maxi López em entrevista exclusiva
Maxi López em entrevista exclusiva

Fonte: Esporte24Horas

Especulação

Especulado

Você aprova a contratação de Danilo Barcelos?

Especulações Mercado