'Vasco do Povo' fala sobre o Dia do Atleta Olímpico

23/06/2020 às 18h41 - FUTEBOL

O Vasco surgiu como Regatas, acompanhando o então esporte da época, que remetia à modernidade dos novos tempos. Alguns anos depois, vieram Tiro, Natação, Ginástica, e também, o futebol e sua história gloriosa.

Mas o Vasco sempre foi inclusivo e popular, e pelo tamanho da sua grandeza, ainda era pouco. Com o tempo, novos esportes foram sendo agregados: Tênis de Mesa, Futsal, Vôlei, Basquete, Futebol de Areia, Handebol, Atletismo, Judô, Vela, Esportes Paralímpicos entre muitos outros.

A história do Vasco surgiu com a inclusão social e a ideia deve permanecer a mesma. Os esportes paralímpicos são ferramentas essenciais para essa integração. Além de formar novos atletas, podemos oferecer mais qualidade de vida a essas pessoas.

O futebol de sete para paralisados cerebrais e o vôlei sentado para os especiais sem mobilidade na perna são modalidades já conhecidas em São Januário.

Entre os grandes atletas com passagens pelo Vasco temos Adhemar Ferreira da Silva. Um dos maiores nomes da história do esporte Brasileiro. Ele disputou 4 Olimpíadas, entre em 1948 e 1960. Conquistando a medalha de ouro em 1952 e 1956.

Foi o primeiro Bi Campeão Olímpico do Brasil no Atletismo. Além de quebrar 5 vezes o recorde mundial no salto triplo, ainda foi o “criador” da chamada “Volta Olímpica” após sua vitória em 1952.

Em 2012, seu nome foi novamente eternizado na história ao entrar para o Hall da fama do Atletismo, sendo o único nome Brasileiro na lista. Foram 35 medalhas em olimpíadas e mais de 120 atletas que lá estiveram levando o nome do Vasco.

Hoje, fica aqui a nossa homenagem a tantos atletas que já passaram por todos esses esportes e que no futuro, possamos repetir tais feitos novamente! #PorUmVascoParaTodos

Fonte: Twitter Vasco do Povo