Futebol

Vasco e o desempenho como visitante e mandante na temporada e na Série A

Em uma semana decisiva na Libertadores e na Sul-Americana e com a volta dos jogos da Série A do Brasileirão, vale relembrar neste momento de retomada após a tragédia climática no Rio Grande do Sul, como está o desempenho dos clubes da elite do futebol nacional.

Mandantes

Embalado pelo histórico desempenho no Campeonato Carioca, o Flamengo tem o melhor desempenho caseiro da temporada, com aproveitamento de 88% dos pontos disputados (12 V, 1 E, 1 D), mas a derrota em casa para o Botafogo por 2 a 0 derrubou o Flamengo para a sétima campanha mandante, com 67% dos pontos conquistados (2 V, 0 E, 1 D).

No Brasileirão, os clubes que mais brilharam até aqui têm 100% de aproveitamento em seus domínios: Athletico-PR e Bahia com três vitórias, e Cruzeiro e Grêmio com duas. Ao longo da temporada, Bahia, Grêmio e Athletico-PR já vinham se destacando quando atuavam em casa, respectivamente com a segunda, a terceira e a quarta melhores campanhas do ano.

Já o Cruzeiro vinha enfrentando mais dificuldades para se impor quando mandante, com apenas o 16º desempenho caseiro, mas as duas vitórias em casa no início do Brasileirão deram mais esperanças a sua torcida em relação ao que esperar deste ano.

%: percentual de pontos conquistados entre os disputados; J: jogos; V: vitórias; E: empates; D: derrotas: MGP: média de gols pró; MGC: média de gols contra; SG: saldo de gols; classificação por aproveitamento de pontos; critérios para desempate: vitórias, saldo de gols e gols pró — Foto: Espião Estatístico

A análise do ranking de desempenho em casa traz joga luz sobre os desempenhos de Corinthians, Juventude, Fortaleza e São Paulo, os quatro piores desempenhos caseiros deste primeiro semestre.

Vice-campeão da Série B no ano passado, já seria de se esperar por alguma dificuldade para o Juventude se reforçar para enfrentar a elite nacional. Mas era difícil prever que Corinthians, Fortaleza e São Paulo enfrentariam tamanha dificuldade em seus domínios, principalmente nos casos de Fortaleza e São Paulo, que no ano passado tiveram a quinta e a sétima melhores campanhas caseiras, respectivamente, enquanto o Corinthians em todo o ano passado obteve a 12ª campanha mandante entre os times da Série A.

%: percentual de pontos conquistados entre os disputados; J: jogos; V: vitórias; E: empates; D: derrotas: MGP: média de gols pró; MGC: média de gols contra; SG: saldo de gols; classificação por aproveitamento de pontos; critérios para desempate: vitórias, saldo de gols e gols pró — Foto: Espião Estatístico

Visitantes

Com a retomada do Brasileirão após a paralisação em consequências das trágicas enchentes no Rio Grande do Sul, uma das preocupações é como ficará o desempenho das equipes gaúchas atuando longe de seus estádios, que precisarão ser reformados quando a água baixar.

Fora as incertezas em relação aos traumas causados pela tragédia, o Internacional vinha no ano com o segundo melhor aproveitamento visitante (69%, 8 V, 3 E, 2 D). Já Grêmio e Juventude apareciam entre as quatro piores campanhas forasteiras, o Grêmio com aproveitamento de 39% (4 V, 3 E, 6 D), e o Juventude com 31% (2 V, 5 E, 5 D).

%: percentual de pontos conquistados entre os disputados; J: jogos; V: vitórias; E: empates; D: derrotas: MGP: média de gols pró; MGC: média de gols contra; SG: saldo de gols; classificação por aproveitamento de pontos; critérios para desempate: vitórias, saldo de gols e gols pró — Foto: Espião Estatístico

O Atlético-GO tem o melhor desempenho forasteiro da temporada (72%, 9 V, 1 E, 3 D), mas o início do Brasileirão tem mostrado que tamanho desempenho possa ser consequência do desnível do atual tricampeão estadual em relação às demais equipes de Goiás. Nos dois primeiros jogos em casa pela Série A, o Atlético-GO perdeu para o Botafogo e empatou com o Internacional.

Dividido por uma disputa jurídica, o Vasco tem sido ao longo da temporada o pior visitante entre os times da elite nacional com 30% de aproveitamento (2 V, 4 E, 5 D) e o início do Brasileirão tem deixado a torcida ainda mais preocupada devido às três derrotas sofridas nas três primeiras partidas fora de casa (Bragantino, Fluminense e Athletico-PR).

%: percentual de pontos conquistados entre os disputados; J: jogos; V: vitórias; E: empates; D: derrotas: MGP: média de gols pró; MGC: média de gols contra; SG: saldo de gols; classificação por aproveitamento de pontos; critérios para desempate: vitórias, saldo de gols e gols pró — Foto: Espião Estatístico

Fonte: ge
  • Quarta-feira, 19/06/2024 às 20h00
    Vasco Vasco 0
    Juventude Juventude 2
    Campeonato Brasileiro - Série A Alfredo Jaconi
  • Sábado, 22/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 26/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    Bahia Bahia
    Campeonato Brasileiro - Série A Fonte Nova
  • Sábado, 29/06/2024 às 19h00
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 03/07/2024 às 20h00
    Vasco Vasco
    Fortaleza Fortaleza
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Segunda-feira, 08/07/2024 às 21h00
    Vasco Vasco
    Internacional Internacional
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir