Vasco é o terceiro clube com mais dívidas com a União

04/02/2020 às 09h48 - CLUBE

A Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional lançou em 30 de janeiro de 2020 um aplicativo chamado “Dívida Aberta”, para a consulta de todos os contribuintes com dívida ativa junto à União e com pendências com FGTS. O blog Toque di Letra, assinado por Vinícius Dias, trouxe o top ten de devedores entre os clubes brasileiros. A partir disso, resolvi ampliar o cenário para os 60 times das três principais divisões do Campeonato Brasileiro, somando os passivos tributários e previdenciários.

Ao todo, 36 dos 60 clubes aparecem com pendências, totalizando R$ 896.316.711 – segundo os códigos de CNPJ e nomes oficiais. Entretanto, vale uma ressalva. Os clubes sem dados não estão, necessariamente, “zerados”, pois a consulta não apresenta débitos parcelados, garantidos ou com exibilidade suspensa – o Botafogo, por exemplo, aparece com R$ 23 milhões, mas tem R$ 318 milhões em tributos parcelados (ao todo, deve R$ 759 milhões).

Recém-rebaixado à segunda divisão e imerso numa crise político-administrativa, o Cruzeiro lidera a lista geral, com 29,1% do total. Justamente num momento de receita reduzida, devido à mudança na distribuição das cotas de TV. Já o trio de ferro do Recife aparece no top ten. Somando as cifras negativas de alvirrubros (4º), rubro-negros (5º) e tricolores (6º), chega-se ao montante de R$ 198.726.565, ou 22,1% do total divulgado pela PGFN nas três séries. Bronca.

Dívidas em aberto em 2020 (soma dos clubes)
Série A – R$ 252.456.080 (28,1%)
Série B – R$ 569.762.333 (63,5%)
Série C – R$ 74.098.298 (8,2%)

Os dez maiores devedores entre as Séries A, B e C de 2020 (em R$)
1º) 261.651.485 – Cruzeiro (MG), Série B
2º) 150.488.696 – Guarani (SP), Série B
3º) 87.664.267 – Vasco (RJ), Série A
4º) 78.807.530 – Náutico (PE), Série B
5º) 62.184.530 – Sport (PE), Série A
6º) 57.734.505 – Santa Cruz (PE), Série C
7º) 32.089.642 – Corinthians (SP), Série A
8º) 29.951.797 – Figueirense (SC), Série B
9º) 23.837.056 – Botafogo (RJ), Série A
10º) 23.265.290 – Fluminense (RJ), Série A

Ranking de dívidas com a União na Série A de 2020 (em R$)
1º) 87.664.267 – Vasco (RJ)
2º) 62.184.530 – Sport (PE)
3º) 32.089.642 – Corinthians (SP)
4º) 23.837.056 – Botafogo (RJ)
5º) 23.265.290 – Fluminense (RJ)
6º) 8.467.452 – Palmeiras (SP)
7º) 8.414.466 – São Paulo (SP)
8º) 6.364.227 – Coritiba (PR)
9º) 64.928 – Bahia (BA)
10º) 54.675 – Fortaleza (CE)
11º) 49.547 – Atlético (GO)

9 clubes sem dados na consulta: Athletico (PR), Atlético (MG), Bragantino (SP), Ceará (CE), Flamengo (RJ), Goiás (GO), Grêmio (RS), Internacional (RS) e Santos (SP)

Ranking de dívidas com a União na Série B de 2020 (em R$)
1º) 261.651.485 – Cruzeiro (MG)
2º) 150.488.696 – Guarani (SP)
3º) 78.807.530 – Náutico (PE)
4º) 29.951.797 – Figueirense (SC)
5º) 13.636.263 – Paraná (PR)
6º) 12.239.275 – Avaí (SC)
7º) 11.600.005 – Botafogo (SP)
8º) 7.431.922 – Brasil (RS)
9º) 2.079.240 – Juventude (RS)
10º) 1.082.685 – Confiança (SE)
11º) 382.312 – Oeste (SP)
12º) 246.079 – América (MG)
13º) 162.387 – Sampaio Corrêa (MA)
14º) 1.472 – Ponte Preta (SP)
15º) 1.185 – Vitória (BA)

5 clubes sem dados na consulta: Chapecoense (SC), CRB (AL), CSA (AL), Cuiabá (MT) e Operário (PR)

Ranking de dívidas com a União na Série C de 2020 (em R$)
1º) 57.734.505 – Santa Cruz (PE)
2º) 5.340.363 – Vila Nova (GO)
3º) 4.298.818 – Remo (PA)
4º) 2.735.575 – São Bento (SP)
5º) 2.039.554 – Boa Esporte (MG)
6º) 1.491.082 – Paysandu (PA)
7º) 316.037 – Treze (PB)
8º) 100.594 – Brusque (SC)
9º) 21.460 – Ferroviário (CE)
10º) 20.421 – Imperatriz (MA)

10 clubes sem dados na consulta: Botafogo (PB), Criciúma (SC), Ituano (SP), Jacuipense (BA), Londrina (PR), Manaus (AM), São José (RS), Tombense (MG), Volta Redonda (RJ) e Ypiranga (RS)

Fonte: Blog de Cassio Zirpoli