Vasco goleia Olaria em amistoso por 6 a 0; Romário passa em branco

07/02/2006 às 18h13 - FUTEBOL

O Projeto Romário sofreu uma baixa nesta terça-feira. Tudo bem, o Vasco goleou o Olaria por 6 a 0, em São Januário. Mas o Baixinho passou em branco. E segue com 953 gols na contagem regressiva para a marca histórica do milésimo gol.

Romário não foi egoísta. Deu passes para dois dos seis gols vascaínos. Mas teve poucas oportunidades. Só concluiu três vezes a gol.

Logo no início, Diego fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Allan, livre na pequena área, cabecear e fazer 1 a 0 para o Vasco. Aos 15 minutos, Abedi entrou na área e tocou para Ygor, que chutou para fazer o segundo gol.

Romário não conseguiu concluir a gol no primeiro tempo. O Baixinho ficou mais isolado da área. No intervalo, o técnico Renato Gaúcho mudou quase o time todo. Apenas Romário permaneceu.

E o Baixinho teve a primeira chance no começo do segundo tempo. Após receber na área, chutou para defesa de Ricardo. Pouco depois, Ramon cruzou para área e Anderson tentou cortar, mas marcou gol contra.

Aos 29 minutos, Ramon tabelou com Romário e tocou na saída do goleiro para fazer o quarto gol vascaíno. Como o Baixinho ainda não tinha balançado a rede, o técnico Renato Gaúcho teve que tirar o lateral Thyago, aos 31 minutos, para o atacante William participar. O jogador, que deveria substituir Romário, era o único ainda no banco de reservas.

Aos 33 minutos, Ramon fez o quinto chutando de dentro da área novamente após passe do Baixinho. Logo depois Osmar fez o sexto gol, num belo chute de fora da área.

VASCO 6 x 0 OLARIA

Local: São Januário

Árbitro: Amaurílio Sá Leão
Auxiliares: Marco Aurélio Peçanha e Tevaldo Correa

Gols: Allan aos 2 min; Ygor, aos 15 minutos do primeiro tempo; Anderson (contra) aos 19 min; Ramon, aos 29 min; Ramon, aos 33 min; Osmar aos 36 minutos do segundo tempo.

VASCO: Cássio (Roberto); Claudemir (Wágner Diniz), Bebeto (Fábio Braz), Jorge Luiz (Éder) e Diego (Thyago) (William); Ives (Alberoni), Ygor (Osmar), Abedi (Ernane) e Morais (Ramon); Romário e Allan (Róbson Luiz). Técnico: Renato Gaúcho.

OLARIA: Ricardo (Thiago); Ivan, Flávio (Wallace), Fabrício e Davi (Keoma); Silas (Pedro Gabriel), Diogo (Diego Henrique), Anderson e Éverton, Assumpção (Maicon) e Diego Neto (Felipe). Técnico: Deninho.

Fonte: GloboEsporte.com