Vasco inicia treinos em Atibaia esperando o 'último' reforço

08/01/2019 às 07h02 - FUTEBOL

Tido como a peça que ainda falta no tabuleiro do técnico Alberto Valentim, o atacante Rossi já chegou a um acordo verbal com o Vasco e prioriza o clube carioca caso consiga obter sua liberação junto ao Shenzhen, da China.

O jogador está no país asiático e negocia pessoalmente, junto com seu empresário, uma transferência por empréstimo até o fim do ano para o Cruzmaltino.

Caso os chineses consigam se reforçar com um estrangeiro para substituí-lo, sua liberação não deverá ter maiores dificuldades. De qualquer modo, a definição acontecerá ainda nesta semana.

Rossi é visto por Alberto Valentim como o atacante de velocidade para atuar pelos lados do campo após as saídas de Kelvin e Andrés Rios.

Apenas um gol em 2018

Em 2018, o jogador atuou por empréstimo no Internacional, onde disputou 30 partidas e fez um gol. No Colorado o atleta era opção no banco de reservas. Antes ele já havia defendido Ponte Preta, Mogi Mirim, Paraná, Operário, São Bento, Goiás e Chapecoense.

Caso Rossi acerte com o Vasco, será o nono reforço do clube para 2019. Antes dele já chegaram os meias Bruno César e Yan Sasse, o atacante Ribamar, os volantes Fellipe Bastos e Lucas Mineiro, os laterais direitos Cláudio Winck e Raul Cáceres e o lateral esquerdo Danilo Barcelos.

Foto: Márcio Cunha / EspecialRossi
Rossi

Fonte: UOL Esporte