Vasco perde para o Avaí e está eliminado da Copa São Paulo de Juniores

13/01/2009 às 20h28 - CATEGORIAS DE BASE

O Vasco não tem como mais lutar pelo seu segundo título da Copa São Paulo de Juniores. Isso porque, na noite desta terça-feira, no Estádio Bruno Lazzarini, em Leme, o Cruzmaltino foi derrotado pelo Avaí por 1 a 0, pela segunda fase da competição. O gol dos catarinenses foi marcado por Marcos Paulo, aos 34 minutos do primeiro tempo,

Classificado, o Avaí, nas oitavas-de-final da competição, vai enfrentar o vencedor da partida entre o Goiás e o Desportivo Brasil-SP, que duela nesta quarta-feira, às 16h (horário de Brasília), no Hermínio Espósito, em Embu das Artes.

O primeiro tempo foi equilibrado, mas o Vasco começou melhor. Logo aos 10 minutos, Jéferson tabelou com Carlos Antônio, só que o goleiro Renan saiu e salvou o Avaí. O troco catarinense veio aos 21, mas Cestaro evitou o gol.

O Vasco voltou assustar e teve duas oportunidades para inaugurar o marcador. Aos 26, Renan defendeu o chute de Carlos Antônio. Três minutos depois, Eder arrematou, mas a bola \"tirou tinta\" do travessão.

Percebendo que poderia levar um gol a qualquer momento, o Avaí resolveu atacar novamente e acabou saindo na frente. Aos 34 minutos, Marcos Paulo chutou e Cestaro não conseguiu evitar o gol: 1 a 0.

O segundo tempo começou com o Avaí querendo definir logo a sua classificação. E aos sete minutos, a equipe catarinense desperdiçou uma chance incrível. Após centro da esquerda, Ildemar, sozinho e em cima da linha, acabou mandando a bola para fora. Aos nove, Cristian chutou e o goleiro do Vasco praticou ótima defesa.

Perdendo e vendo o tempo passar, o Vasco foi para o famoso \"tudo ou nada\". Aos 24, o Cruzmaltino quase empatou. Porém, Renan, na mesma jogada, defendeu os arremates de Eder e Carlos Antônio.

A partir daí, o desespero tomou conta do Vasco que passou a cruzar bolas na área. O Avaí, por sua vez, passou a explorar os contra-ataques. Nem mesmo a expulsão do zagueiro Luis Ricardo, aos 43 minutos, desestabilizou o time catarinense. Vitória e classificação assegurada.

Fonte: UOL Esporte