Vasco pode ter reforço 'caseiro' para 2019

05/12/2018 às 11h40 - FUTEBOL

A temporada terminou e o atacante Vinícius Araújo não conseguiu se recuperar a tempo de entrar em campo na reta final do Campeonato Brasileiro. O jogador atuou pela última vez no dia 29 de agosto, na derrota para o Atlético-PR, por 1 a 0, na Arena da Baixada. Ele acabou levando uma pancada no joelho esquerdo, o que agravou uma tendinite no local. Desde então Vinícius Araújo seguiu no departamento médico realizando tratamento. Chegou até a ser liberado para a preparação física mas não foi aproveitado pela comissão técnica.

Ao todo Vinícius Araújo disputou apenas cinco partidas, uma como titular e não marcou gol. A tendência é que o atacante tenha mais oportunidades no ano que vem. Afinal de contas Kelvin e Andrés Rios não devem permanecer no Vasco e isso diminuiria a concorrência. Vinícus Araújo, que tem contrato até dezembro de 2019, pode atuar tanto na referência do ataque, como também pelos lados do campo. Com Alberto Valentim, disputou apenas um jogo, justamente o primeiro do treinador, o que acabou sendo o último do jogador.

Outras opções

O Vasco possui em seu elenco nove jogadores para as funções ofensivas. Maxi López é o centroavante e o titular absoluto. Yago Pikachu também possui esse status de intocável pelo lado direito. Já do lado esquerdo, a vaga está em aberto. Quem ocupou esse lugar na reta final da temporada foi o Kelvin, no entanto o jogador tem contrato até o fim do ano e não deve renovar. Rildo, Marrony, Caio Monteiro e o próprio Vinícius Araújos são as opções. Hugo Borges, Moresche e Lucas Santos não tiveram oportunidades com Alberto Valentim, mas fazem parte do elenco.

Reforços conhecidos

Além das nove opções para o ataque, o Vasco vai poder contar com mais dois atletas que retornam de empréstimos. Thalles e Guilherme Costa, crias de São Januário, que estavam no Albirex Niigata-JAP e Vitória respectivamente. O centroavante, que tem contrato até dezembro de 2019, fez 41 jogos, 19 como titular e marcou apenas 6 gols na segunda divisão do Japão. Já o meia-atacante não fez uma boa temporada, disputando apenas 15 partidas e marcando um gol pelo time baiano, que acabou rebaixado no Campeonato Brasileiro. Sem espaço Guilherme Costa chegou a disputar um jogo pelo Campeonato Brasileiro de Aspirantes. O jogador tem contrato com o Vasco até dezembro de 2020.

Foto: Reprodução internet vinicius araujo
vinicius araujo

Fonte: Esporte24Horas

Mercado

Não Confirmado

Você aprova a saída de Thiago Galhardo?

Especulações Mercado