Vasco precisa quebrar tabu de 12 anos contra o Cruzeiro

14/10/2018 às 11h55 - FUTEBOL

Pressionado na luta contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o Vasco só tem uma alternativa às 16h (de Brasília), deste domingo (14), em São Januário. O Cruzmaltino precisa vencer o Cruzeiro para se afastar da zona da degola. Para isso, a quebra do incômodo tabu de 12 anos em casa está diretamente ligada. 

O Vasco venceu o Cruzeiro pela última vez em São Januário no dia 30 de julho de 2006 (1 a 0). Desde então, recebeu os mineiros mais sete vezes. Foi derrotado em seis oportunidades e obteve um empate. Mais do que isso. As derrotas foram duras. 

O Cruzeiro impôs ao Vasco três vezes o placar de 3 a 1 e uma recente goleada por 4 a 0. O retrospecto é ruim, mas os cariocas têm um ponto positivo na tentativa de mudar o rumo da prosa: o adversário está absolutamente voltado para a decisão da Copa do Brasil, contra o Corinthians, e entra em campo com os reservas, ainda que tenha jogadores do nível de Rafael Sóbis e Fred. 

"Precisamos de cautela. Acho que esse é um bom termo. É fundamental ter tranquilidade para vencer e afastar da zona do rebaixamento. O Cruzeiro tem qualidade com qualquer time. Não podemos nos preocupar com o que vem do outro lado", comentou o goleiro Fernando Miguel. 

Com 31 pontos, o Vasco está em 15º lugar, um ponto apenas acima da zona de rebaixamento. O time luta para evitar a quarta queda na história e aposta na força em casa para isso. É mais do que necessário findar o perturbador tabu de 12 anos na Colina histórica. 

Fonte: UOL Esportes