Vasco segue negociações para saída do goleiro Martín Silva

16/12/2018 às 07h10 - FUTEBOL

O Vasco mantém conversas com o Libertad, do Paraguai, para negociar o goleiro Martín Silva. O jogador já se acertou com o clube de Assunção e agora espera que as partes cheguem a um acordo. O Cruz-Maltino deseja uma compensação financeira, além do fim de uma dívida que tem com o atleta, para assinar a rescisão contratual. O vínculo atual vai até 2020.

Caso retorne ao Paraguai, onde fez sucesso com a camisa do Olimpia, Martín receberá salário superior ao que ganha em São Januário, em um contrato que deverá ser o último de sua carreira. O goleiro de 35 anos inclusive tinha planos de se aposentar pelo Vasco, mas a temporada ruim em 2018 e a proposta pesam para a saída.

Pesou para o desgaste da relação de Martín Silva com o clube a saída do preparador de goleiros Fábio Tepedino. Ele era um profissional de confiança do uruguaio e os dois estabeleceram uma relação de amizade desde 2016, quando começaram a trabalhar juntos. Conhecido pelo estilo introvertido, Martín tinha nele a figura mais próxima em São Januário.

Mesmo depois de destacar a importância de Tepedino para seu desempenho à nova diretoria, quando ela assumiu, em janeiro deste ano, Martín tomou conhecimento na Rússia, onde estava com a seleção uruguaia para a disputa da Copa do Mundo, que o preparador havia sido demitido.

Internamente, um dos motivos alegados para a saída foi uma suposta proximidade exagerada de Tepedino com a gestão passada, de Eurico Miranda.

Fonte: Extra Online