Vasco segue tentando liberar o CT do Almirante

12/03/2019 às 08h08 - FUTEBOL

A diretoria do Vasco trabalha para ter uma resposta positiva quanto ao retorno dos treinos no CT do Almirante, que foi interditado no mês passado por falta de alvará de funcionamento, nos próximos dias. Assim como o Flamengo, em relação ao Ninho do Urubu, o clube busca uma liberação provisória até que todos os documentos exigidos sejam apresentados.

A Prefeitura já voltou ao local, em Vargem Grande, algumas vezes para reavaliar a situação. Em paralelo a isso, a diretoria do Vasco segue fazendo seguidas reuniões para buscar uma solução para o caso. Nesta terça, haverá novo encontro para avaliar como está o andamento das exigências.

O Vasco precisará de dois documentos para conseguir a liberação: o alvará e a licença de funcionamento. De acordo com a Prefeitura, não há registro de pedido de licenciamento para edificações, apenas para loteamento, nem pedido de alvará.

A interdição do CT do Almirante fez parte das vistorias que foram realizadas nas estruturas utilizadas pelos clubes, em todo Brasil, desde o incêndio do Ninho do Urubu, no dia 8 de fevereiro, que matou 10 atletas da base.

O espaço é alugado pelo Vasco desde o ano passado, utilizado apenas pelo time profissional. O clube assinou, também em 2018, contrato de três anos de utilização do espaço. O local tem como proprietário o empresário Evandro Ferreira, pai do volante Evander, que já defendeu o clube. Evandro está trabalhando em conjunto com o clube.

Enquanto não consegue a liberação para voltar a treinar em Vargem Grande, Alberto Valentim vem trabalhando com o elenco em São Januário.

Fonte: GloboEsporte.com