Veja as notas dos jogadores do Vasco contra o Bangu

07/04/2019 às 18h20 - CLUBE

FERNANDO MIGUEL (GOL) - 7,5

Foi decisivo enquanto o Bangu era melhor no jogo, salvando o Vasco em duas chances claras de gol, uma delas em finalização à queima-roupa de Yaya. Outra grande atuação do goleiro cruz-maltino.

RAUL CÁCERES (LAD) - 6,5

Teve dificuldade para marcar Jairinho enquanto o atacante teve fôlego, mas melhorou no segundo tempo e teve participação decisiva dando assistência para Yan Sasse no segundo gol.

WERLEY (ZAG) - 6,0

Cresceu de produção no segundo tempo após ter muita dificuldade na etapa inicial contra o rápido ataque do Bangu.

RICARDO GRAÇA (ZAG) - 6,0

Vaiado no início, errou passes bobos, mas foi ganhando confiança no decorrer do jogo, a ponto de dar até chapéu no meio de campo. Apareceu na bola parada ofensiva, quase servindo Marrony de cabeça em jogada ensaiada.

DANILO BARCELLOS (LAE) - 6,0

Atuação segura do lateral-esquerdo na marcação, mas discreto ofensivamente.

BRUNO SILVA (VOL) - 4,0

Teve uma tarde ruim junto e não conseguiu fechar os espaços para o Bangu no primeiro tempo. Acabou sacado por Valentim no intervalo.

RAUL (VOL) - 6,5

Entrou muito bem, ajudando na marcação e puxando contra-ataques. Deu muito mais segurança ao time e fez os companheiros de setor crescerem no jogo.

LUCAS MINEIRO (VOL) - 6,5

Começou mal, errando muitos passes. Mas foi importante nas bolas aéreas defensivas e ofensivas, onde sofreu o pênalti que acordou o Vasco. Cresceu de produção após a entrada de Raul.

BRUNO CÉSAR (MEI) - 7,0

Mesmo sem ser brilhante, camisa 10 foi decisivo: converteu a cobrança de pênalti e criou a boa jogada do gol de Yan Sasse. Organizou o time, principalmente no segundo tempo. Saiu cansado no fim.

LUCAS SANTOS (ATA) - 6,0

Pedido pela torcida, o garoto ensaboado entrou bem no jogo com sua velocidade e criou boas jogadas que não foram aproveitadas.

MARRONY (ATA) - 5,0

Começou bem, fazendo uma jogadaça pela direita no primeiro lance de perigo do jogo, mas depois sumiu. Atuação muito discreta de um dos destaques do time.

ROSSI (ATA) - 5,0

Muita correria, mas pouca objetividade e pouco tempo em campo: saiu machucado aos 27 minutos do primeiro tempo.

YAN SASSE (ATA) - 7,0

Criticado quando entrou no lugar de Rossi, o atacante começou mal e no primeiro lance perdeu a bola, fez falta e tomou cartão amarelo. Mas depois calou os críticos ao fazer um belo gol. Perdeu a chance de se consagrar tomando decisões erradas nos contra-ataques.

TIAGO REIS (ATA) - 5,0

Sensação do Vasco nos últimos jogos, o garoto centroavante destoou neste domingo. Errou passes, apareceu pouco e chutou em cima da marcação na única chance que teve.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.brTiago Reis
Tiago Reis

Fonte: Globoesporte.com