Veja como conselheiros votaram item que encerrou debate do estatuto

03/03/2020 às 16h30 - CLUBE

A discussão a respeito da reforma estatutária do Vasco foi encerrada no Conselho Deliberativo na última segunda-feira, em sessão bem tranquila. Agora cabe aos sócios referendar ou não em Assembleia Geral a ser convocada em 30 a 40 dias.

O ato que findou a reunião realizada na Sede Náutica do Vasco, na Lagoa, deu-se durante a apreciação da primeira (conflito de interesses de remuneração de conselheiros para o direito de exercer o voto no Conselho Deliberativo) das cinco questões que seriam votadas nominalmente (você confere no fim da matéria como cada um votou). Foi constatado falta de quórum, já que pelo menos 151 conselheiros teriam de votar, mas somente 136 se posicionaram. Houve abstenções.

O item referente ao conflito de interesses entraria como incisos do parágrafo 2º do artigo 57 da proposta de novo estatuto. Confira abaixo:

Parágrafo Segundo – Ficam impedidos de exercer mandato no Conselho Deliberativo e no Conselho Fiscal:

I) funcionário do Clube enquanto perdurar o vínculo trabalhista;
II) sócio que estiver prestando qualquer espécie de serviço remunerado ao clube ou que fizer parte de sociedade que estiver executando obras ou serviços onerosos para o clube.

Segundo reportagem publicada por "O Globo" em 11 de fevereiro, há cinco conselheiros que prestam serviços remunerados ao Vasco. Os advogados Paulo Reis e Denis Carrega Dias, ambos grande beneméritos. E Daniel Reis, filho de Paulo e benemérito, trabalha com o pai.

Na folha do futebol, consta o nome do grande benemérito Gilson Honório Ferreira. Na da vice-presidência de esportes de quadra, a empresa FAPLIMA Assessoria e Consultoria, do grande benemérito Fernando Antonio de Lima, é citada como prestadora.

Durante a sessão de segunda-feira, Paulo, Denis e Gilson votaram "NÃO". Ou seja, contra o impedimento de exercer mandato no Conselho Deliberativo enquanto prestador de serviço. Daniel e Fernando se abstiveram.

Veja quem votou "SIM" e NÃO" pela inclusão da proibição de remuneração de conselheiros ao novo texto do estatuto, único apreciado nominalmente antes da constatação de falta de quórum:

“ NÃO”

A) GRANDES BENEMÉRITOS
01 - Adão Ribeiro dos Santos
02 - Amancio Cézar
03 - Aníbal Mendonça de Magalhães
04 - Antonio Frutuoso Peralta
05 - Antonio Vicente Porphírio
06 - Carlos Alberto O. de Araújo
07 - Denis Antonio Carrega Dias
08 - Ernesto Pires Boaventura
09 - Germano Francisco Monteiro
10 - Gilson Honório Ferreira
11 - Jorge de Jesus Curty
12 - José Fernando Horta
13 - José Luis S. Moreira (presidente em exercício do Conselho de Beneméritos)

14 - José Maria Pinheiro da Silva
15 - Luiz Augusto Lima de Sousa
16 - Luis Pires da Silva
17 - Manuel de Figueiredo Cardão
18 - Marcos Pereira de Carvalho
19 - Nelson Coelho da Luz
20 - Nerio Meira da Silva
21 - Osório Vieira Barbosa
22 - Paulo Sergio M. dos Reis
23 - Paulo Sergio Mendes Aguilar
24 – Ricardo P. de Vasconcellos
25 - Walter Ramos

B) BENEMÉRITOS
26 - Alberto Deros Baptestini
27 - Alberto Pereira dos Santos
28 - Andre Luiz V. Afonso
29 - Emanoel Ursulino de F. Filho
30 - Francisco Lima Vilanova
31 - Horácio G. Cortinhas Neto
32 - José Carlos da Cruz Pereira
33 - José Custodio de Oliveira Neto
34 - Manoel Monteiro P. Sales
35 - Manuel Gomes Barbosa
36 - Nilton Barbosa dos Santos
37 - Raimundo Manoel Santos Cruz
38 - Sergio Eduardo M. Frias

C) CONSELHEIROS ELEITOS
39 - Alexandre Campello da Silveira (presidente do Vasco)

40 - Américo Antonio Machado Filho
41 - André Aires de Araújo
42 - Antonio Carlos Pinto
43 - Arnóbio Felinto
44 - Bruno Pinheiro Barata
45 - Carlos Alberto N. Leão Junior
46 - Claudio Marcio Fernandes
47 - Delmar Pereira da Silva
48 - Dinoel Santana
49 - Joaquim de Souza Correia
50 - José Pinto Monteiro
51 - José Baptista Lemos
52 - Otacio Bispo F. de Andrade
53 - Pasqual José Macarielo
54 - Raphael Thomaz M.F.M de Oliveira
55 - Sonia Maria Andrade dos Santos (segunda vice-presidente do Vasco)

“SIM”

A) GRANDES BENEMÉRITOS
01 - Itamar Ribeiro de Carvalho
02 - José Carlos Torres Osório

B) BENEMÉRITOS
03 - Edmilson José Valentim dos Santos (presidente do Conselho Fiscal)
04 - Faues Cherene Jassus (presidente da Assembleia Geral)

05 - Gilberto de Almeida Pinto
06 - Nelson Caneca Medrado Dias
07 - Oto Alves de Carvalho Junior
08 - Rafael Landa Montenegro Nuno (vice-presidente do Conselho Fiscal)
09 - Roberto Monteiro Soares (presidente do Conselho Deliberativo)

C) CONSELHEIROS ELEITOS
10 - Alexssander Tavares de Mattos
11 - Anderson Costa Vasquez
12 - Anderson Melo dos Santos
13 - André Luiz da Rocha Dias
14 - Anídio Barreira Duarte
15 - Antonio Braz da Silva Neto
16 - Antonio Leite da Costa
17 - Antonio Miguel Fernandes
18 - Armindo Fernandes Dinis
19 - Bruno Galasso Kauffmann
20 - Bruno Iglésias Borges Rodrigues
21 - Bruno Leandro Pires de Carvalho
22 - Bruno Rafael Oliveira Gomes
23 - Carlos da Silva Silveira Neto
24 - Carlos Henrique Fontenla Jassus
25 - Carlos Roberto de F. Osório
26 - Celso Monteiro Soares
27 - Christiano Luiz R.L. Marques
28 - Claudete Joaquim de O. Azevedo
29 - Claudio Figueiredo Cardoso
30 - Daniel Deivisson Brant de Almeida
31 - Erik Vaz Guimarães
32 - Erivelton Moraes Lazarini
33 - Fabrício J. Nascimento Azevedo
34 - Felipe Mourão de Souza Verdial
35 - Felipe Tavares Videira
36 - Fernando Cesar Pinto Guimarães
37 - Fernando Nunes Pestana
38 - Francisco Cesar Martins
39 - Guilherme Antonio Briones de Azevedo
40 - Guilherme Hilario Guilarducci
41 - Gustavo Ferrreira de Almeida
42 - Ian Nonato
43 - Jaime Duarte Schatovsky
44 - Jaime Pfaltzgraff Ribeiro
45 - João Ernesto da Costa Ferreira
46 - João Marcos Gomes Amorim
47 - José Antonio de Azevedo
48 - José Carlos Prober Faria
49 - José Henrique Carvalho Gonçalves
50 - José Henrique M. Serra
51 - José Manuel Blanco Pereira
52 - José Pais dos Santos Morais
53 - Julio Cesar Brant de Almeida (candidato nas eleições passadas)
54 - Ladario José Magalhães
55 - Leandro Diniz Rocha
56 - Leandro Silva Valentino
57 - Leandro Souza Moura
58 - Leonardo Abrão Pacheco
59 - Leonardo Jorge Rodrigues
60 - Luis Gustavo Fontenla Jassus
61 - Luiz Gustavo de Menezes Ribeiro
62 - Marcelo dos Santos Mendes
63 - Mario de Aquino Borges
64 - Mauro Abdon Gabriel
65 - Mauro de Jesus Araújo
66 - Mauro Sergio Siqueira Ferreira
67 - Paulo Cesar Silva Lacerda
68 - Paulo Luis Gomes Sobreira
69 - Paulo Roberto Cardoso
70 - Paulo Roberto Pires Marques
71 - Raphael Ribeiro B.L. Rodrigues
72 - Renato Cícero Freire de Brito Neto
73 - Roberto de Sousa Santos
74 - Rodrigo Otávio Miloski Saavedra
75 - Sergio Batalha Mendes
76 - Sergio Machado de Azevedo
77 - Sergio Tavares Romay (vice-presidente do Conselho Deliberativo)
78 - Silvio Roberto Abib Costa
79 - Thiago Costa Machado
80 - Thiago Fernando da F. Martins
81 - Victor José Leite Medeiros

*O "SIM" à inclusão da proibição venceu, mas como o placar foi de 81 a 55, apenas 136 conselheiros votaram, o que não atingiu o mínimo de 151 necessários.

Fonte: GloboEsporte.com