Veja mais tópicos da entrevista de Campello ao programa Caldeirão Vascaíno

16/05/2018 às 22h02 - CLUBE

Na noite desta quarta-feira (16), o presidente do Vasco, Alexandre Campello, deu uma entrevista exclusiva ao programa de rádio Caldeirão Vascaíno na Rádio Livre AM 1440, RJ. O presidente respondeu a perguntas de diversos vascaínos. Confira alguns tópicos da entrevista

Direitos de imagem

“Em relação às cotas de TV, esse ano principalmente, nós temos um comprometimento importante daquilo que temos para receber. Dentro daquilo, uma parte é destinada para o ato trabalhista, existem também algumas penhoras, alguns adiantamentos que os bancos recebem diretamente. Em 2018 existe um comprometimento importante, que começa a diminuir somente a partir do meio de 2019. Esse ano vai ser um ano muito difícil, mas a partir de 2019 começaremos a ter uma folga no nosso orçamento.”

Demissão de Zé Ricardo

“Eu tive uma conversa com o Zé Ricardo, onde eu ratifiquei a confiança absoluta no trabalho dele.”

Volta de Rodrigo Caetano

“O Vasco hoje tem profissionais que estão trabalhando lá, então não pensamos na volta do Rodrigo Caetano nesse momento.”

Juninho Pernambucano

“Ele não está na diretoria. Algumas vezes conversei com o Juninho, ofereci a possibilidade de fazer um jogo de despedida, ele agradeceu, mas disse que entendia que o momento oportuno para isso já havia passado, o que eu discordo. Acho que o Vasco deve ao Juninho um jogo de despedida, ainda mais esse ano, em que o Vasco faz 120 anos e comemora os 20 anos da conquista da Libertadores. As portas de são Januário estão abertas para ele, basta ele querer.”

Revitalização do entorno de São Januário

“Eu já solicitei uma audiência com o prefeito para que a gente debata esse assunto, que é fundamental. São Januário é um patrimônio da cidade e precisa ser tratado como tal. Revitalizar o entorno é importante para que a gente consiga melhorias no estádio. A gente sabe que isso é possível desde que haja uma vontade política. Conseguindo essa revitalização, ai sim conseguiremos trabalhar no estádio. Pensar na construção de um novo estádio não será uma opção que vai agradar o vascaíno. Os torcedores tem um amor e um orgulho muito grande por São Januário, então acho que a opção seria modernizar o entorno dele e utilizar melhor o espaço que está em nosso terreno.”

Terceiro uniforme

“Vamos lançar uma terceira camisa para o aniversário do Vasco. O material já está sendo produzido e acho que vai agradar muito os torcedores.”

Contratações

Alexandre Campello afirmou que o Vasco está buscando dois ou três reforços, mas não revelou quais as posições ou possíveis nomes. Ele ainda falou sobre a volta de ídolos, algo questionado pelos vascaínos.

“Eu acho muito interessante a contratação de um grande ídolo, mas nós devemos trabalhar dentro de um orçamento. O Vasco não suporta mais loucuras, não se pode mais endividar o Vasco mais do que já está.”

Eleição direta

O presidente Alexandre Campello declarou ser a favor das eleições diretas, porém o conselho não permite a alteração da forma de eleição no clube.

Carlos Leite

“Existe uma certa confusão nessa questão. Na realidade hoje, a Fifa não permite mais que os empresários tenham participação no passe dos atletas. O que acontece hoje é que esses empresários são representantes desses atletas. Hoje, o Vasco não deve absolutamente nada ao Carlos Leite. Toda dívida que existia foi quitada. Obviamente, ele representa vários jogadores que hoje tem contrato com o Vasco, assim como com o Corinthians, Fluminense e diversos outros times. Ele é um empresário forte no mercado. Por outro lado, as pessoas criaram essa coisa com o Carlos Leite, mas em vários momentos ele foi parceiro do clube. Quando eu assumi, nós não tínhamos dinheiro para realizar a viagem para o Chile, estávamos com salários atrasados, e ele nos socorreu com empréstimo de 10 milhões. Em vários momentos ele foi parceiro do clube. Eu vejo com uma certa injustiça algumas declarações que são dadas. Mas claro, ele é empresário, está no mercado para ganhar dinheiro.”

Fonte: SUPERVASCO.COM

Enquete

Quem você gostaria que fosse o novo técnico do Vasco?

Deixe seu comentario