Vitória contra o São Paulo fez Alberto Valentim "renascer" no Vasco

24/11/2018 às 08h26 - FUTEBOL

O choro que marca o nascimento de uma criança serviu também para simbolizar o renascimento de Alberto Valentim no Vasco. Abraçado pela torcida em São Januário depois da vitória sobre o São Paulo, que deixou o time próximo de garantir a permanência na Série A, o técnico não conteve as lágrimas. Pressionado internamente e duramente criticado pelos torcedores, ganhou novo começo depois de quinta-feira.

Com contrato até dezembro de 2019, ele não tinha a permanência no Vasco garantida em caso de rebaixamento. O aproveitamento de pontos do time segue ruim sob seu comando - é de 35% - e não chegará aos 50% nem se vencer as partidas contra Palmeiras e Ceará. Mas o peso disso muda com a presença na Série A na temporada que vem.

Até porque quem comanda o departamento de futebol do Vasco leva em consideração também os problemas que ele enfrentou desde que foi contratado: o alto número de lesões e a gestão de um elenco praticamente fechado - apenas Willian Maranhão chegou depois do técnico.

Discussão com Andrey

Ainda assim, a pressão interna era forte, e questionamentos ao trabalho se repetiam — a insistência em manter Fabrício como titular no lugar de Thiago Galhardo era a maior delas. Caso confirme o Vasco na Primeira Divisão, o técnico vai poder se dedicar mais intensamente à montagem do elenco para 2019. Por enquanto, as conversas com a diretoria sobre reforços têm sido superficiais. Ele terá uma pré-temporada inteira para implementar seu estilo de jogo. Vai ser a chance de ver o real Vasco de Alberto Valentim nascer.

Fonte: O Globo Online

Mercado

Não Confirmado

Você aprova a saída de Luan?

Especulações Mercado