Werley garante que Vasco não será rebaixado este ano

29/11/2018 às 23h23 - FUTEBOL

O Vasco já está a caminho de Fortaleza, local da partida decisiva contra o Ceará, domingo, no Castelão. O clube antecipou a viagem em um dia, em relação ao planejamento feito nos outros jogos disputados no domingo. O elenco treinava na sexta e viajava em seguida. A mudança na rotina serve para aumentar o foco. O Vasco precisa apenas de um empate, mas se mantém na Série A até em caso de derrota. No entanto, o zagueiro Werley nem pensa nos adversários, já que o time depende apenas das próprias forças.

“O Vasco não precisa fazer conta. A gente depende da gente. Não temos motivos para pensar nos adversários. Nós temos que fazer o nosso bem feito e terminar a competição com a cabeça erguida e focar no ano que vem para vir mais forte que esse ano”.

Com o empate o Vasco sacramenta a sua permanência na primeira divisão. Entretanto vai terminar a competição sem ter vencido fora do Rio de Janeiro. Essa situação incomoda Werley, que espera uma vitória para quebrar esse tabu.

“A gente sabe que vai jogar contra um adversário difícil, com um estádio cheio. Nós vamos lá para ganhar o jogo que é o nosso objetivo sempre. Fora de casa não conseguimos vencer e isso é mais uma motivação porque um time como o Vasco, não tem como terminar o Brasileiro sem vencer fora do Rio”.

Por fim Werley garantiu a permanência do Vasco, confiando em um melhor ano em 2019.

“Não vai cair. Eu tenho certeza. Pelo trabalho do Alberto no dia a dia, a forma que ele convive com o grupo, a forma que a diretoria vem conduzindo o clube. Nós tivemos vários exemplos de times que passaram por dificuldades e se fortaleceram no ano seguinte e eu tenho certeza que isso vai acontecer com o Vasco”.

Se o Vasco permanecer na elite do Campeonato Brasileiro, Werley encerra uma sequência incômoda de rebaixamentos. O zagueiro caiu nas últimoas duas edições, com o Figueirense (2016) e Coritiba (2017).

Desfalques e reforços para a decisão

A delegação vascaína embarcou para Fortaleza com três desfalques. Henrique e Martin Silva seguem no departamento médico, enquanto Yago Pikachu terá que cumprir suspensão por conta do cartão vermelho da rodada passada. Com isso Pikachu encerrou a temporada como o jogador que mais entrou em campo pelo Vasco, além de ser o artilheiro do time em 2018. Werley lamentou a ausência do companheiro, mas garantiu plena confiança no substituto.

“É um grande jogador, que tem feito grandes jogos, mas temos outros bons jogadores. Quem entrar vai dar conta do recado. Não podemos lamentar. Temos que dar força a que entrar”.

Em compensação pelos desfalques, o técnico Alberto Valentim terá o reforço do lateral-direito Lenon, que não atua desde setembro por conta de uma lesão muscular. O lateral-esquerdo Luan, promovido aos profissionais recentemente, também foi relacionado.

Fonte: Esporte 24h

Mercado

Não Confirmado

Você aprova a saída de Leandro Castan?

Especulações Mercado