Yago Pikachu comemora ajuda extra fora de campo aos vascaínos; Entenda!

09/02/2018 às 08h09 - FUTEBOL

A clientela de um bar situado na rua São José, no centro do Rio de Janeiro, se deu bem na noite da última quarta-feira (7). O dono, sempre com ideias "fora da caixa", propôs a seguinte promoção: caso Yago Pikachu fizesse um gol na partida entre Vasco e Universidad de Concepción (CHI), as pessoas presentes ganhariam 10% de desconto na conta. Em campo, o Cruzmaltino fez sua parte, venceu por 2 a 0, garantiu a classificação para a próxima fase e, para a alegria dos boêmios do local, o lateral direito deixou o dele.

Sempre tímido, o jogador revelou após o jogo que ficou sabendo da promoção e foi muito cobrado pelo gol.

"Realmente. Me marcaram muito nas redes sociais antes do jogo pedindo para fazer gol para ter esses 10% de desconto. Então pude ajudar o Vasco dentro de campo e também fora, com o torcedor nesse bar que conseguiu o desconto tão almejado (risos)", disse ao UOL Esporte o jogador, que não bebe.

SE TEM GOL DO PIKACHU, TEM DESCONTO! ... Venha assistir ao segundo jogo do Vascão na Libertadores aqui no Quiosque Chopp Brahma do Menezes Cortes!!! Quarta - 21:45 – VASCO DA GAMA x Universidad de Concepción A cada gol do PIKACHU, + 10% de desconto no total da conta!!! #vasco #libertadores #pikachu #choppbrahma #quiosquechoppbrahma #menezescortes #desconto #sobnovadireção ... Regulamento: A promoção passa a valer a partir da abertura da conta. Os descontos são cumulativos e valem apenas no decorrer do tempo normal da partida. Os gols feitos antes da abertura da conta não se acumulam aos posteriores.

Uma publicação compartilhada por Brahma Menezes Cortes (@brahmamenezescortes)

em

5 de Fev, 2018 às 5:17 PST

E para provar que a promessa não passou de uma conversa de bar, o estabelecimento postou após a partida um comentário dizendo que o desconto foi dado: "Valeu, galera! O Pikachu não decepcionou e deu 10% de desconto para quem assistiu o jogo com a gente. Semana que vem tem mais! Valeu, Yago Pikachu!".

A repercussão da ação foi grande pelo fato de o bar ter apostado num jogador de defesa e ele ter feito gol, mas esta não é a primeira vez que o estabelecimento faz uma promoção deste tipo. No fim do ano passado, o local surfou na onda da polêmica em torno do goleiro rubro-negro Alex Muralha, marcado por não ter tido eficiência nas penalidades. Na ocasião, prometeu dar uma rodada de chope grátis caso o arqueiro defendesse um pênalti nas semifinais da Sul-Americana, entre Flamengo e Júnior de Barranquilla (COL).

Antes do jogo, porém, a empresa detentora da marca que dá nome ao quiosque solicitou a retirada da promoção, uma vez que ela é parceira comercial do clube da Gávea e o goleiro já vinha sofrendo forte pressão.

Pikachu faz sucesso na Libertadores com gringos

Apelido inspirado no famoso desenho animado japonês que faz sucesso entre as crianças, Yago Pikachu tem feito sucesso entre os gringos na Copa Libertadores. Nas redes sociais, os estrangeiros se mostram surpresos e acham graça de ter um jogador com esta alcunha na competição:

OFICIAL
Pikachu es el primer Pokémon en marcar un gol en la historia de la Copa Libertadores, lo marcó con el Vasco da Gama ante la U de Concepción pic.twitter.com/

S3MKtDePct

— Copa Libertadores (@CLibertadores18) 1 de fevereiro de 2018

Vasco da Gama tiene un futbolista llamado PIKACHU, ya son el mejor equipo del certamen y los merecedores de jugar el Mundial de Clubes. https://t.co/

9xZgLhWP0Y

— Yoell's (@yoel_demian) 8 de fevereiro de 2018

Lateral retoma fase artilheira

Contratado em 2016, Yago Pikachu nunca conseguiu conquistar o mesmo status de ídolo que tinha no Paysandu. Por lá, se destacou com os gols mesmo sendo lateral. Foram 62 ao longo de três anos. No Vasco, porém, acabou sendo improvisado como meia e alternou momentos de titulares com outros na reserva sem muito brilho. Este ano, no entanto, disputou cinco partidas e já balançou as redes três vezes. Em sua avaliação, o segredo está no retorno à sua posição de origem:

"O importante primeiro é estar entre os 11, independentemente da posição. Desde quando cheguei, deixei muito claro minha posição de origem, mas estou quase indo para o terceiro ano de Vasco e joguei mais adiantado do que na própria lateral. Mas não há problema algum. Já estou adaptado nas duas posições. Estou feliz pela classificação, pelo desempenho e os dois gols no confronto".

Fonte: UOL Esporte

Enquete

Quem você gostaria que fosse o novo técnico do Vasco?

Deixe seu comentario