Futebol

A inspiração de Álvaro Pacheco no Clássico dos Milhões

O clássico contra o Flamengo neste domingo, às 16h (de Brasília), pela sétima rodada do Brasileirão. vai marcar a estreia de Álvaro Pacheco no comando do Vasco. O técnico português pode buscar inspiração em um ano recente, em que o clube duas vezes levou a melhor sobre o rival em circunstâncias parecidas.

Em 2015, o Vasco estreou dois treinadores com vitórias sobre o Flamengo: Celso Roth e Jorginho venceram o clássico em suas respectivas primeiras partidas no comando do Cruz-Maltino. É o que Álvaro vai tentar repetir no domingo.

O português chegou ao Vasco há duas semanas, esteve em São Januário acompanhando de perto a classificação na Copa do Brasil, com vitória nos pênaltis sobre o Fortaleza, e causou boa impressão com seus treinamentos. "Energia surreal", reconheceu o lateral-esquerdo Lucas Piton.

Em 2015, Celso Roth foi contratado para substituir Doriva. O Vasco ocupava a zona de rebaixamento do Brasileirão. Ele durou apenas dois meses no cargo. Após sua demissão, o clube foi atrás de Jorginho. Relembre as estreias da dupla:

No dia 26 de junho de 2015, Roth estreou no comando do Vasco num Clássico dos Milhões disputado na Arena Pantanal, em Cuiabá. O time não havia vencido uma partida sequer naquele Brasileirão e tinha jogadores como o zagueiro Rodrigo, o volante Guiñazu e o atacante Gilberto no elenco.

Logo aos 16 minutos do primeiro tempo, o lateral-direito Madson fez boa jogada pela direita, foi até a linha de fundo e cruzou na medida para o atacante Riascos voar de peixinho e estufar a rede do goleiro César.

Como Celso Roth não conseguiu recolocar o Vasco nos trilhos, a missão coube a Jorginho, que fez sua estreia no comando da equipe no dia 19 de agosto, logo num confronto eliminatório contra o maior rival pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Na partida realizada no Maracanã, o goleiro Martín Silva fez grande defesa em finalização de Guerrero dentro da área. E, no início da segunda etapa, Riascos cruzou rasteiro pela direita, e o atacante Jorge Henrique chegou fuzilando de perna direita para abrir o placar da partida. Na volta, o Vasco garantiu a classificação para as quartas com um empate em 1 a 1.

Me lembro bem daquele jogo - disse Jorginho ao ge.

- É sempre especial. Como joguei nos dois e, depois, fui treinador do Vasco, é sempre muito especial. As duas equipes se respeitam muito, independentemente da qualidade da equipe no momento. Iniciar ganhando do Flamengo já é um ponto muito positivo, todo mundo fica feliz. A mesma coisa o contrário. Sempre muito marcante quando você inicia um trabalho vencendo o seu maior rival. Foi um momento importante para mim, era um momento delicado - completou o treinador.

Fonte: ge
  • Quarta-feira, 19/06/2024 às 20h00
    Vasco Vasco 0
    Juventude Juventude 2
    Campeonato Brasileiro - Série A Alfredo Jaconi
  • Sábado, 22/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 26/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    Bahia Bahia
    Campeonato Brasileiro - Série A Fonte Nova
  • Sábado, 29/06/2024 às 19h00
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 03/07/2024 às 20h00
    Vasco Vasco
    Fortaleza Fortaleza
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Segunda-feira, 08/07/2024 às 21h00
    Vasco Vasco
    Internacional Internacional
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir