Acordo com a justiça alivia crise financeira do Vasco

18/12/2019 às 19h28 - CLUBE

O Vasco conseguiu, nesta quarta-feira, um acordo com a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional e liberou a penhora de R$ 22 milhões que atrapalhava o fluxo de caixa do clube. Agora, o Cruz-Maltino deve conseguir cumprir a promessa de pagar os salários atrasados de jogadores e funcionários até o fim de 2019. A informação foi divulgada inicialmente pelo Lance! e confirmada pelo GloboEsporte.com.

O presidente Alexandre Campello havia dito, ainda nesta quarta-feira, durante a apresentação do técnico Abel Braga, que estava perto de um acordo para liberar as penhoras.

- Estamos concluindo alguns acordos, e a gente espera ainda essa semana ficar livre de todas as penhoras para solucionar essas questões das dívidas. E ainda hoje começar a regularizar o pagamento de funcionários e jogadores. Mais tarde vamos dar mais detalhes, quando toda a operação estiver concluída. Mas hoje já deve ter alguma novidade - disse.

No último dia 9, o Vasco pagou a folha salarial de agosto para a comissão técnica e os funcionários que recebem mais de R$ 5,5 mil e setembro para os jogadores. Agora, deve ao elenco outubro - novembro, por causa de um acordo entre diretoria e jogadores, só vence no próximo dia 20.

Fonte: globoesporte.com