Mercado

Ainda não há definições sobre as permanências de Nenê e Alex Teixeira

Os dois jogadores mais renomados do elenco têm o futuro indefinido. Os contratos de Nenê e Alex Teixeira estão no fim, e ainda não há definições sobre a permanência da dupla. São casos distintos, mas com um fator em comum: a identificação com o clube.

Nenê e Alex Teixeira são jogadores com história em São Januário, mas que oscilaram durante a Série B.O Vasco pretende tratar as situações quando o diretor Paulo Bracks retornar ao Brasil. O dirigente está no exterior para reuniões com a cúpula da 777 Partners e em busca de reforços.

Foto: Daniel Ramalho / Vasco

A vontade de Nenê é ficar. O camisa 10 se declarou ao clube e, em mais de uma oportunidade, disse que seu desejo é seguir em São Januário. O meia foi elogiado por dirigentes pela postura e liderança na reta final da Série B, marcou o gol do acesso contra o Ituano, mas pesa contra a idade, uma vez que ele está com 41 anos.

A tendência é que seja oferecido um contrato curto, de poucos meses, com possibilidade de prorrogação até o fim de 2023, de acordo com o desempenho em campo. Nenê terminou o ano como vice-artilheiro do time, com 12 gols, e principal garçom, com 12 assistências.

Foto: Daniel Ramalho / CRVG

- A minha vontade é ficar, com certeza. Estamos conversando. Dá para ficar mais um pouquinho (risos). Quem sabe a gente pode começar a resolver isso logo para todo mundo ficar mais tranquilo. Se tiver que ficar, acho que essa é a minha vontade e de todos que estão lá dentro. A minha certamente é. O pessoal da SAF viu que o posso contribuir bastante. E depois, quem sabe, continuar bastante tempo no clube (risos) - disse Nenê, em entrevista ao "Tá na Área", do Sportv.

A questão de Alex Teixeira talvez seja um pouco mais complicada. Aos 32 anos, ele foi contratado em julho para ser a grande estrela do elenco, mas não correspondeu. Teve momentos de brilho, como os dois gols na virada sobre o Operário, mas terminou o ano na reserva e sequer foi aproveitado por Jorginho na partida decisiva diante do Ituano.

É um jogador, no entanto, muito técnico, com bastante bagagem no futebol e identificação com o Vasco. Hoje a tendência é pela permanência, mas a decisão passará pela nova comissão técnica que ainda não foi definida e pela montagem do elenco para a próxima temporada.

A questão salarial é outro ponto. Alex Teixeira abriu mão de propostas maiores para voltar ao Vasco, com um salário dentro da realidade do Vasco. O jogador vem recebendo sondagens de outros clubes. O atacante terminou o ano com dois gols e uma assistência.

Fonte: Globo Esporte