Mercado

Al-Batin faz proposta pelo meia Wellington Rato, especulado no Vasco

A Copa do Mundo começou, mas os clubes do futebol brasileiro não pararam de trabalhar nos bastidores e se movimentam para reforçar as suas respectivas equipes. É o caso de Cruzeiro e São Paulo, que formalizaram proposta pelo mesmo jogador. Trata-se de Wellington Rato, destaque do Atlético-GO, agremiação que disputará a Segunda Divisão em 2023.

Segundo apurou a reportagem, a Raposa e o Tricolor fizeram ofertas com números aquém do que o Dragão deseja para liberar o atacante. Além disso, ainda de acordo com o que apurou a Coluna do Venê, um clube da Arábia Saudita, Al-Batin, fez proposta com condições melhores que as apresentadas por Cruzeiro e São Paulo.

Então, nas conversas com os empresários de Rato, Adson Batista, presidente do Atlético-GO, alega que para fazer negócio com uma dessas equipes brasileiras, a oferta precisa ser igual ou melhor que a do clube do exterior, que foi de 1 milhão de dólares, cerca de R$ 5 milhões.

O Vasco, clube que assim como o Cruzeiro subiu para a Série A em 2022 e também se tornou SAF, não realizou, até o momento, proposta oficial, mas sondou os empresários do atacante para saber condições.

Em recente entrevista, o mandatário do Dragão deixou claro que não irá facilitar uma saída de Rato:

"Vejo com grande dificuldade (saída de Wellington Rato), não adianta propor salário alto para o jogador. Precisa criar algo consistente para as três partes, que são clube, empresário e jogador. Vamos analisar com cabeça fria, há uma boa relação entre as partes. Mas isso é exemplo de um único jogador, temos boas peças, o Atlético-GO tem condição de começar com uma base para buscar algo muito importante na Série B do Brasileiro."

Em 2022, Wellington Rato disputou 70 jogos com a camisa do Atlético-GO e marcou 15 gols. Nesta segunda-feira, nas redes sociais do clube, ele foi homenageado pelo presidente Adson Batista pelos 100 jogos disputados pelo Dragão.

Fonte: O Dia Online