Atleta do Flamengo será julgado pelo STJD por reação após gol contra o Vasco

04/09/2019 às 08h28 - FUTEBOL

"Hoje tem gol do Gabigol". A profecia da torcida tem se cumprido a cada jogo do Flamengo no Brasileirão e o próprio atacante já entrou na onda. Gabigol tem usado os cartazes vindos da arquibancada para comemorar no gramado e isso chamou a atenção da procuradoria do STJD. Tanto que uma denúncia contra ele foi feita e ele será julgado nesta quarta-feira, na 4ª Comissão Disciplinar.

Por causa da comemoração no jogo contra o Vasco, em Brasília, o jogador foi enquadrado com base no artigo 191 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que trata de descumprimento de algum item do regulamento. Em tese, o Gabigol pode ser multado, mas o caso está longe de gerar preocupação para o Flamengo, que vê pouca chance de condenação.

Na denúncia remetida pela procuradoria ao tribunal consta que o atacante do Flamengo supostamente infringiu o artigo 98 do Regulamento Geral de Competições da CBF, que diz:

Art. 98 - Todas as ações promocionais que envolvam o campo de jogo e seu entorno, como a utilização de faixas, cartazes, apresentações e manifestações em geral, somente poderão ser realizadas com autorização expressa da DCO, mediante solicitação enviada em até 2 (dois) dias úteis antes das partidas.

Ou seja, o camisa 9 foi enquadrado em um dispositivo que claramente trata de ações de marketing realizadas pelos clubes. O Flamengo cumpre essa diretriz, por exemplo, quando organiza um mosaico na arquibancada ou leva sócio-torcedor ao gramado durante o intervalo.

Gabigol usou o cartaz com a frase "profética" tanto em Brasília quanto no Maracanã, domingo passado, na vitória por 3 a 0 sobre o Palmeiras. Contra o Vasco, o árbitro Leandro Vuaden relatou a comemoração na súmula. Foi a deixa para a procuradoria denunciar o jogador. Rafael Traci, que apitou a partida contra o time paulista, fez a mesma coisa.

A procuradoria do STJD tem refletido sobre o caso nos últimos dias, após já ter notificado o Flamengo. Inclusive, o GLOBO apurou que a chance é grande de que no julgamento desta quarta-feira a denúncia seja retirada logo no início da sessão.

Mas a pauta não tem apenas o caso de Gabigol. Flamengo e Vasco foram denunciados por arremesso de objeto no campo e podem levar multa.

Fonte: Extra