Basquete: No comando do Vasco, Bial reencontra basquete Cearense pelo NBB

07/12/2018 às 16h56 - OUTROS ESPORTES

esta sexta-feira (7), Basquete Cearense e Vasco da ama se enfrentarão no Centro de Formação Olímpica, em Fortalez (CE), às 19 horas. O duelo marcará um reencontro para lá de especial: a volta de Alberto Bial a Fortaleza. O treinador, atualmente no Vasco, foi um dos principais responsáveis por desenvolver a equipe da cidade, onde passou os últimos seis anos de sua longa carreira.

A expectativa de Bial para a partida é mais do que especial e o duelo promete ser emocionante tanto dentro quanto fora das quadras.“Contra o Basquete Cearense será um jogo emotivo demais para mim. Será um confronto ‘Criador x Criatura’. Mas vou enfrentar esta situação de peito aberto, usando o amor como o principal sentimento envolvido nesta partida. Afinal, o Vasco é o meu time, que eu dirijo e quero levar à vitória e a posições mais altas no campeonato. E o Basquete Cearense, eu criei, vi criança engatinhando, vi se tornar um adolescente e espero ver ficar adulto”, completou Alberto Bial.

Antes do trabalho de Bial em Fortaleza, não havia naquela capital uma equipe de basquete capaz de disputar uma competição nacional. Seis anos depois, o Carcará está consolidado no cenário nacional após três edições seguidas com participações nos playoffs. “Foram seis anos lá, e todos no Basquete Cearense foram formados por mim, do presidente ao roupeiro. Nos aspectos técnico, tático e de organização, eles seguem a nossa escola, os nossos conceitos.”

Há quatro meses, porém, a realidade de Bial é o Vasco, pelo qual foi campeão sul-americano como técnico em 1997. Trata-se de um clube cuja história não se cansa de exaltar. “É um clube que todo dia em que piso aqui dentro, eu me emociono. Cada detalhe, cada pedra levantada neste estádio, saber da história, de todos os paradigmas que foram quebrados”, costuma repetir.

O atual comandante do Carcará, Dannyel Russo, tem uma linda história com Alberto Bial. Ele foi auxiliar técnico do comandante carioca e aprendeu muito com a passagem de Bial pela equipe do nordeste brasileiro.

“A importância do Bial para mim é enorme, até difícil de descrever. Foram seis anos de trabalho juntos no Basquete Cearense e eu aprendi muito com ele. O Bial me ensinava até em momentos que ele não sabia que estava fazendo isso e eu aproveitei da melhor forma possível. Ele é um mestre em gestão de pessoas. Conhece muito bem os caminhos para que a sua equipe dê o máximo de si. É inteligente, estrategista e por isso sempre o admirei como pessoa e técnico. Tenho muito a agradecer. A gratidão tem que estar no topo de qualquer comentário que eu possa fazer sobre ele”, declarou Dannyel Russo, treinador do Basquete Cearense.

A partida contra o Vasco será muito especial para Dannyel também, por enfrentar um grande profissional, que foi figura chave para o nascimento do Carcará. Quem ganha com tudo isso é o público, que terá uma grande partida para acompanhar, além das diversas emoções.

“A importância do Bial para o Basquete Cearense é imensa, todos sabem que foi ele que trouxe o basquete profissional para o estado do Ceará, ele criou raízes aqui, é um carioca cearense e estou muito feliz de jogar contra ele, e vamos tentar essa vitória desde o início. Jogar contra uma pessoa que eu admiro muito há seis anos, que foi um mestre, um cara que me espelhei muitas vezes, tenho certeza que o público vai ganhar muito com esse jogo de sexta-feira”, completou o comandante do Carcará.

Foto: Site Oficial do Vasco Bial
Bial

Fonte: Gazeta Esportiva

Especulação

Especulado

Você aprova a contratação de Danilo Barcelos?

Especulações Mercado