Bolsonaro afirma que Vasco e Flamengo querem voltar a jogar

20/05/2020 às 08h13 - FUTEBOL

Depois de se reunir com os presidentes de Flamengo e Vasco em Brasília nesta terça-feira, o presidente Jair Bolsonaro deu mais detalhes sobre a conversa com Rodolfo Landim e Alexandre Campello.

Segundo Bolsonaro, o Ministério da Saúde está preparando um protocolo para a retomada do futebol no país, paralisado desde o meio de março por conta da pandemia do coronavírus.

"Eles querem voltar a jogar futebol. Falei com a Saúde para ter um protocolo para abrir. Começa sem ninguém nas arquibancadas", disse Bolsonaro, em uma live nas redes sociais nesta terça.

Na pauta do encontro com Landim e Campello, estava a retomada do futebol brasileiro, que vem sendo defendida por rubro-negros e cruzmaltinos nos últimos dias.

O Fla, inclusive, já voltou aos treinos e tem atividades marcadas para terça-feira, apesar de recentes testes de Covid-19 terem detectado vários casos no clube.

Também presidente no encontro em Brasília, o médico da equipe da Gávea, Dr. Márcio Tannure, festejou o encontro.

"Hoje, demos um pequeno passo, mas que pode significar um passo enorme no nosso retorno! Continuamos trabalhando...", escreveu, em seu Instagram.

O presidente da República, inclusive, foi presenteado com a nova camisa 2 flamenguista, lançada na semana passada.

O encontro foi acompanhado pelo senador Flávio Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro, e pelo ex-deputado Roberto Jefferson.

Ficou acordado que haverá nova reunião também na quarta-feira, quando seguirão as discussões sobre a retomada do futebol brasileiro.

No Rio de Janeiro, Fluminense e Botafogo já se posicionaram de maneira contrária ao retorno das atividades pelos próximos dias.

Até esta terça, o Brasil registrava 271.628 casos de contaminação por coronavírus, o 3º maior número do mundo, atrás só de Estados Unidos e Rússia.

Até o momento, são 17.971 mortes causadas pela doença.

Fonte: ESPN Brasil