Futebol

Clássico deste domingo terá duelo de técnicos com a missão de salvar clubes

0

Neste domingo, 10, Vasco e Botafogo se enfrentam às 20h30, em São Januário, em partida válida pela 29ª rodada do Brasileirão. O "Clássico da Amizade", como o confronto é chamado, colocará frente a frente Vanderlei Luxemburgo e Eduardo Barroca – treinadores que retornaram aos seus respectivos clubes com a missão de salvá-los do rebaixamento. Hoje, o Cruzmaltino é o primeiro time fora da zona, com 29 pontos. Já o Glorioso é o vice-lanterna, com 23 pontos conquistados. O Esporte News Mundo transmite em tempo real.

BARROCA E A FUNÇÃO DE APAGAR O INCÊNDIO

Barroca foi anunciado como técnico do Glorioso no dia 27 de novembro de 2020. Na época, o clube demitiu o até então treinador Ramón Díaz porque não poderia mais esperar a recuperação do argentino. A missão de Barroca era clara: conquistar sete vitórias – meta estabelecida pelo Botafogo para dar a arrancada que tiraria a equipe da zona de rebaixamento.

No entanto, nem tudo saiu como o esperado. No dia 30 de novembro, Eduardo Barroca testou positivo para Covid-19 e só estreou na partida contra o Internacional, já no dia 12 de dezembro. Além disso, no dia 28 do mesmo mês, Keisuke Honda, a principal contratação do Botafogo na janela de transferência, pediu a rescisão do contrato.

O jogo contra o Vasco é chave para as pretensões do Botafogo de permanecer na série A, uma vez que o Glorioso venceu apenas uma partida no segundo turno. Para isso, o clube de General Severiano terá de fazer algo inédito no Brasileirão 2020: vencer um clássico.

– É um momento de a gente assumir as nossas responsabilidades e ter sentimento. Porque eu acredito que ainda temos condições de reverter – afirmou Barroca.

Como se não bastasse todos os problemas, Eduardo Barroca terá mais três para o Clássico da Amizade. Caio Alexandre, Marcelo Benevenuto e Matheus Babi receberam o terceiro cartão amarelo contra o Athletico e não enfrentam o Vasco. Os dois primeiros são titulares absolutos desde o começo do Brasileirão, já Babi oscilou entre o time titular e o banco de reservas, mas é um dos artilheiros do Botafogo na competição.

LUXEMBURGO VOLTA AO VASCO COM O DESAFIO DE TRAZER ÂNIMO AO ELENCO, REPETIR NÚMEROS DE 2019 E EVITAR A "ZONA DA CONFUSÃO"

Após a demissão de Ricardo Sá Pinto do comando técnico, o Vasco anunciou o retorno de um velho conhecido: Vanderlei Luxemburgo. Cerca de um ano depois de deixar o cargo de treinador do Gigante da Colina, Luxa foi contratado com a missão de retirar o Vasco da "zona da confusão", como ele bem diz.

O primeiro jogo foi animador. Apesar de não sair do 0 a 0 contra o Atlético-GO, o que se viu após a partida foi uma esperança com o desempenho da equipe, principalmente, no primeiro tempo. Além disso, o ponto conquistado em Goiânia fez com que o Cruzmaltino deixasse a zona da degola na última rodada.

Após o duelo, o goleiro Fernando Miguel reforçou a questão do desempenho e do ânimo diferente depois do jogo contra o Dragão:

– A gente fez um bom jogo, a postura acredito que está diferente daquilo que a gente vinha apresentando até aqui. A expectativa vai aumentar. Temos um clássico importante no fim de semana. Vamos botar a "perninha para cima" que o jogo é difícil, disse o goleiro ao fim do jogo.

Outro atleta que elogiou Vanderlei Luxemburgo, em entrevista recente, foi o lateral Léo Matos. Em coletiva dias atrás, Léo destacou quanto o grupo comentava sobre os métodos de Luxa antes mesmo dele ser anunciado:

– Até antes mesmo do Luxemburgo ser cogitado como treinador, um mês atrás, quando eu cheguei, o bate papo com os jogadores que estavam aqui, era sobre o Luxemburgo. Conversas de bastidores, vestiário… conheço bastante sobre ele, mesmo antes de vir para cá. Ele é um treinador que exige, mas quando tem de dar moral, apoia. Acredito que a gente vai evoluir muito com a chegada dele.

Luxa vai em busca sua primeira vitória, após seu retorno, na partida contra o Botafogo, neste domingo. Um triunfo contra o Glorioso pode alavancar o Cruzmaltino na tabela de classificação – já que o duelo diante do rival é chamado do "jogo de seis pontos", pois ambos lutam contra o rebaixamento.

Na última coletiva concedida, Vanderlei Luxemburgo se esquivou de projetar o clássico e apenas afirmou que em jogos desse tipo, não há favorito:

– O próximo jogo é um clássico, que não tem favorito. Estou feliz, mas amanhã temos de focar no Botafogo.

No comando do Vasco, em 2019, Luxemburgo terminou o Brasileirão em 12º lugar, com 49 pontos, e a classificação para a Sul-Americana. Com o "Pofexô" no comando, o Cruzmaltino teve 47% de aproveitamento – números esses, que muito provavelmente, salvariam o Vasco com certa tranquilidade da zona da confusão, neste Brasileirão.

Fonte: Esporte News Mundo
  • Sábado, 23/01/2021 às 21h00
    Vasco Vasco 3
    Atlético-MG Atlético-MG 2
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Domingo, 31/01/2021 às 16h00
    Vasco Vasco
    Bahia Bahia
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quinta-feira, 04/02/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Flamengo Flamengo
    Campeonato Brasileiro Maracanã
  • Quarta-feira, 10/02/2021 às 19h15
    Vasco Vasco
    Fortaleza Fortaleza
    Campeonato Brasileiro Castelão
  • 17/02 (qua) ou 18/02 (qui)
    Vasco Vasco
    Internacional Internacional
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • 20/02 (sáb) ou 21/02 (dom)
    Vasco Vasco
    Corinthians Corinthians
    Campeonato Brasileiro Neo Química Arena
  • Quarta-feira, 24/02/2021 às 20h30
    Vasco Vasco
    Goiás Goiás
    Campeonato Brasileiro São Januário