Contra Santa Cruz, Vasco quer pontos em casa

01/06/2006 às 16h32 - FUTEBOL

Na última rodada antes da paralisação do Campeonato Brasileiro, o Vasco terá um confronto teoricamente mais fácil para tentar a sua primeira vitória em São Januário. No domingo, o Gigante da Colina receberá o Santa Cruz, lanterna da competição.

Até a nona rodada, o Vasco foi um bom anfitrião. Fez as honras da casa a três candidatos ao título e permitiu que os visitantes levassem pontos para fora do Rio. Logo na estréia, a equipe empatou com o Internacional, que vinha embalado pela boa campanha de 2005 e pela conquista de uma vaga na Libertadores.

Na seqüência, dois times paulistas - então melhor colocados que o Vasco - tiraram pontos da equipe cruzmaltina em pleno São Januário. Na sexta rodada, o Corinthians começou perdendo, mas virou para 4 a 2. Na oitava, o São Paulo arrancou um empate por 1 a 1.

Pela primeira vez, portanto, o Vasco terá um adversário considerado mais fraco. Com apenas três pontos, o Santa Cruz perdeu todas as quatro partidas disputadas fora de Recife.

Mesmo assim, o meia Ramón não larga o discurso em que prega respeito ao adversário e pede muita atenção aos pernambucanos, que nesta quinta-feira enfrentarão o Paraná no fechamento da nona rodada do Brasileiro.

\"Vai ser uma partida complicada. O Santa Cruz possui uma equipe perigosa. Precisamos atuar certinho, com uma forte marcação. Este é o nosso objetivo\", disse o jogador à Rádio Brasil ao retornar da capital cearense, de onde o Vasco trouxe um ponto.

Ramón considerou o empate com o Fortaleza um jogo equilibrado, mas de \"baixíssimo nível técnico\". O Vasco jogou sem três titulares (Morais, Edílson e Valdiram), o que, para o meia, não serve de desculpa.

\"Lógico que eles fazem falta. Mas já atuamos sem os nosso principais jogadores e conseguimos vencer. Todos têm condições aqui no Vasco\", destacou o meia, que espera as confirmações de Valdiram e Morais para o jogo de domingo.

Fonte: Pelé.Net