Covid-19, lesões... Vasco sofre com perdas

11/09/2020 às 08h16 - FUTEBOL

Após o bom início de Campeonato Brasileiro, quando chegou a ser líder da competição, o Vasco indica uma queda de rendimento em meio a problemas para repetir a equipe titular e em um mês que prometer ser de suma importância para o restante da temporada.

Com diversos casos de Covid-19, além de lesões, suspensões e jogadores poupados, o técnico Ramon Menezes perdeu algumas peças nas últimas rodadas e teve de, até mesmo, remontar setor — como foi o casa da zaga —, colocando o elenco cruz-maltino à prova.

A questão é que o time demonstra mais não estar tão "ramonizado" às vésperas de confrontos importantes. Pelo Brasileiro, duelos com o Botafogo, Coritiba e Red Bull Bragantino, times que estão em colocações inferiores, mas que buscam evolução e podem se tornar adversários mais diretos na briga por posição. Além disso, confronto eliminatório com o próprio alvinegro por vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil.

"Temos uma interação com todos os departamentos. Eu, particularmente, não gosto de poupar. Perder jogador, para mim, é perder parte do trabalho, mas estou muito feliz com todos. Aqueles que estão entrando, têm entrado bem. Hoje, infelizmente a gente não conseguiu o resultado. Agora, é acertar tudo isso. Temos um jogo muito difícil pela frente. É trabalhar muito para que a gente possa estar concentrado e voltar a vencer no campeonato", disse.

O goleiro Lucão, os zagueiros Ricardo Graça, Werley e Breno, e o atacante Guilherme Parede estão afastados após terem testado positivo para coronavírus. Leandro Castan e Benítez estiveram poupados. Juninho se recupera de lesão muscular.

Contra o Atlético-GO, o lateral-esquerdo Henrique retornou após cumprir suspensão e o atacante Vinicius depois de obedecer os dez dias de isolamento por ter contraído Covid-19. Para o duelo com o Botafogo, Bruno Gomes terá de cumprir suspensão depois de expulsão e Andrey é dúvida, uma vez que deixou o jogo queixando-se de um incômodo muscular.

Ramon expõe que, na visão dele, será uma temporada com diversos obstáculos ao Vasco, mas aponta que a equipe também aprende nos resultados adversos.

"Sempre falei da dificuldade que é esse campeonato. Todos os jogos, são uma final de campeonato. Todo mundo quer ganhar todos os jogos. O que disse para eles é que perdemos uma grande oportunidade [derrota para o Atlético-GO], mas o campeonato continua. A gente sai triste, mas a gente aprende muito também nas derrotas", afirma.

Fonte: UOL Esporte