De volta, Lucas Santos comenta experiência de treinar com a Seleção

02/04/2019 às 11h19 - FUTEBOL

Destaque da base vascaína, Lucas Santos foi promovido ao elenco profissional após o grande desempenho na Copa São Paulo de Futebol Júnior. O jogador já recebeu algumas oportunidades do técnico Alberto Valentim e nas duas últimas semanas ficou longe dos treinamentos com o elenco do Vasco. O motivo foi ótimo. O garoto foi chamado por Tite para integrar a preparação da Seleção Brasileira, que disputou amistosos contra o Panamá e a República Tcheca. De volta ao Cruzmaltino, Lucas comentou a experiência.

- Eu fiquei muito feliz por ter sido chamado pela segunda vez para ajudar nos treinamentos da Seleção Brasileira. A gente vê que o nível por lá é muito alto. Os jogadores que atuam na Europa... o trabalho é muito firme. Pude pegar o máximo de dicas, de experiência, de conselho deles e tenho certeza que vou trazer aqui para o Vasco e transferir isso para jogar bem, ajudar a equipe. Foi uma experiência muito rica. Pude aprender e conviver com os melhores jogadores do Brasil no momento. Foi muito bom para o meu conhecimento - disse o jogador.

Lucas Santos não foi o único criado da base vascaína no grupo de convocados. Lá, ele conversou bastante com o volante Allan e o meia Phillippe Coutinho, que atuam no Napoli (ITA) e Barcelona (ESP), respectivamente. O atleta vascaíno revelou como foi o contato com as outras crias da Base Forte e afirmou que "deu mole" ao não pedir uma foto junto dos companheiros:

- O grupo é muito bom, ambiente muito leve. Isso facilita na hora de passar o nervosismo. O Coutinho me perguntou aonde estávamos treinando, como estava o Vasco... o Allan também, me perguntou como eu estava aqui. Foi um sonho. Estar participando disso tudo com eles foi muito legal. Foram dois jogadores que eu queria ter tirado uma foto com os dois para valorizar a base do Vasco, mas pela vergonha eu acabei não pedindo (risos).

Sobre os conselhos da comissão técnica da Seleção Brasileira, Lucas ressaltou que o auxiliar-técnico Sylvinho foi quem mais conversou com ele, dando dicas de como potencializar seus pontos fortes dentro de campo. Além disso, a revelação vascaína falou sobre o objetivo que tem de retornar a Seleção, mas desta vez como convocado.

- Tive contato maior com o Sylvinho. Ele me aconselhou a ir mais pro um contra um próximo da área, por conta da minha estatura. Já que sou um jogador rápido e habilidoso. Longe do gol ele me falou para buscar o 1-2 e sair em velocidade. O contato com o Tite já foi mais na roda. Ele me deu algumas dicas de comportamento dentro de campo. Receber essas dicas e elogios da comissão técnica da Seleção me inspiram para voltar um dia como convocado e não só para completar os treinos - finalizou.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.brLucas Santos durante o clássico contra o Botafogo
Lucas Santos durante o clássico contra o Botafogo

Fonte: Site oficial do Vasco