Desenvolve Vasco opina sobre venda de atletas como estratégia financeira

08/05/2020 às 13h44 - POLÍTICA

O Vasco não tem emplacado a venda de atletas por valores expressivos nos últimos tempos. Sobre esse tema, uma pergunta se faz muito oportuna: como a venda de jogadores deve estar inserida na estratégia financeira do clube?

O resultado de vários grandes clubes brasileiros, em 2019, foi fortemente impactado pela venda de jogadores. Em alguns casos, mesmo com essas vendas, ainda assim foram apurados elevados prejuízos nas contas do ano de nossos adversários.

O Vasco, mesmo sem transações relevantes desse tipo em 2019, teve um resultado que revela o acerto em ter tido sua estrutura de custos adequada para não depender de um evento que não é líquido e certo.

A venda de jogadores não pode ser a receita mágica para fechar as contas do clube num dado exercício. Tais operações têm é que servir pra encurtar o caminho da recuperação definitiva.

A boa gestão financeira do Vasco nos 2 últimos anos preparou-o para ser capaz, de forma consistente, de reduzir definitivamente seu endividamento quando as boas oportunidades de vendas de jogadores se concretizarem, compatíveis com a qualidade dos ativos de que o clube já dispõe.

Fonte: Twitter Desenvolve Vasco