E ainda Dona Lita: "a cada gol do Romário, faço uma oração"

18/03/2007 às 16h27 - FUTEBOL

Conhecida pelo jeito extravagante de torcer para o filho, Dona Lita conta as horas para assistir ao milésimo gol do Baixinho. Mas, ao mesmo tempo em que a contagem regressiva vai chegando ao fim- faltam dois gols nas contas do craque-, ela prefere não pensar no dia em que Romário se despedirá dos gramados.

- Todo jogo do Romário aqui em casa é uma festa. Eu e Edvair não perdemos uma partida sequer. E a cada gol, faço uma oração. Não fiz nenhuma promessa para ele chegar nessa marca, mas peço sempre a Deus que o dê força para não desistir. Sei que a idade dele é avançada, mas, se fosse possível, queria vê-lo jogar por mais tempo - conta a mãe de Romário.

Dona Lita ficou marcada por comemorar de forma inusitada os gols do Baixinho na Copa do Mundo de 94. Cada vez que o filho balançava a rede, ela quebrava uma garrafa.

- Hoje, não faço mais isso. Continuo agradecendo a alegria que ele nos proporciona, mas de outra forma. Imagina quantas garrafas teria que quebrar?

Fonte: GloboEsporte.com