Clube

Em busca de novos reforços, Vasco vai respeitar teto orçamentário

O Vasco segue atento no mercado e quer encorpar o elenco até o início do Brasileirão, mas descarta investir alto em novas contratações na atual janela de transferências, que fecha no próximo dia 4 de abril. Há um teto no orçamento que precisa ser respeitado.

A diretoria vascaína acredita que o grupo ainda não está fechado e reconhece a necessidade de contratar mais jogadores, sobretudo do meio para frente - há carência nas posições de primeiro volante, meia-armador, ponta pela esquerda e centroavante, por exemplo. Mas só serão fechados negócios nas próximas duas semanas se os custos forem baixos.

Em outras palavras, o Vasco dificilmente investirá na aquisição de direitos econômicos de novos jogadores nesta janela, como foi o caso em oito das 13 contratações anunciadas pelo clube até o momento. Somente o goleiro Ivan (Corinthians), o zagueiro Robson Bambu (Nice), o volante Andrey Santos (Chelsea) e o lateral-direito Paulo Henrique (Atlético-MG) foram emprestados. De Lucca, por sua vez, chegou sem custos.

Existe a possibilidade de que mais ninguém seja contratado até o início do Brasileiro. O Vasco, sobretudo na pessoa do diretor-esportivo Paulo Bracks, segue atento para as chamadas oportunidades de mercado, como empréstimos a zero ou baixo custo ou transferências que não demandem investimento alto.

O clube já investiu aproximadamente R$ 110 milhões em contratações até o momento. Essa é a primeira janela do Vasco sob a gestão da 777 Partners, que adquiriu 70% das ações da SAF.

Queda na Copa do Brasil causa impacto

O orçamento planejado pelo Vasco para este ano sofreu impacto com a eliminação precoce da equipe na Copa do Brasil. O time comandado por Maurício Barbieri caiu nos pênaltis para o ABC em São Januário, na quinta-feira da semana passada.

Dentro da previsão orçamentária, a diretoria esperava chegar ao menos nas oitavas de final da competição. Ou seja, jogar mais duas fases. Dessa forma, o clube deixou de embolsar R$ 5,4 milhões em premiação: R$ 2,1 milhões na terceira fase e R$ 3,3 milhões na seguinte.

Em entrevista coletiva nesta quinta, no CT Moacyr Barbosa, o diretor-técnico Abel Braga tentou traçar o tamanho da frustração pela queda em São Januário.

"Na quinta-feira não fomos gigantes, fomos bem pequenos, fomos horríveis. [...] O Carioca não abalou, mas quinta-feira abalou. Eu sinto ainda. Cara, ninguém entendeu nada".

Orçamento será rediscutido com a 777

O orçamento e a forma com a qual o Vasco vai atacar a janela de transferências no meio do ano, que abre em julho, ainda será discutido com a 777 Partners. As investidas pelo volante Jorman Campuzano, do Boca Juniors, podem ser retomadas mais para frente, por exemplo.

Paulo Bracks vai viajar para a Europa nos próximos meses para se reunir com os executivos da 777, como aconteceu em novembro do ano passado. Na pauta, está a discussão sobre o orçamento que a diretoria terá à disposição para o investimento em mais reforços.

A viagem ainda não tem data marcada, mas certamente se dará antes da abertura da segunda janela, entre abril e maio.

Fonte: ge
  • Domingo, 02/06/2024 às 16h00
    Vasco Vasco 1
    Flamengo Flamengo 6
    Campeonato Brasileiro - Série A Maracanã
  • Quinta-feira, 13/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    Palmeiras Palmeiras
    Campeonato Brasileiro - Série A Arena Barueri
  • Domingo, 16/06/2024 às 18h30
    Vasco Vasco
    Cruzeiro Cruzeiro
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • A definir
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir