Em nota, Vasco desmente valores e termos de negociações com Dedé e Guarín

12/01/2020 às 10h11 - FUTEBOL

O Club de Regatas Vasco da Gama desmente categoricamente matérias publicadas pelo jornal "Lance!" sobre supostos valores e termos das negociações com o zagueiro Dedé e o volante Freddy Guarín. Nos dois casos, as informações são não apenas inverídicas como tendenciosas, claramente plantadas com um único propósito: criar a percepção de que o Vasco da Gama irá extrapolar limites orçamentários para reforçar seu elenco. Dedé e Guarin são grandes jogadores e já provaram isso vestindo a própria camisa cruzmaltina. Ambos têm inegável valor. Mas a Diretoria Administrativa reafirma o compromisso em cumprir uma de suas premissas fundamentais: qualificar o elenco sem abrir mão da responsabilidade financeira.

Na referida matéria, há ainda outra inverdade, esta com o intuito de semear a discórdia dentro do próprio elenco. Braçadeira de capitao não é um mero adereço, muito menos uma mercadoria sobre o balcão. No esporte, trata-se de um símbolo que evoca valores importantes, como liderança e dignidade. Ressaltando que outros atletas do atual elenco também poderiam usá-la, a braçadeira de capitão do Vasco da Gama está atualmente muito bem entregue ao zagueiro Leandro Castán, líder positivo de um valoroso grupo de atletas.

Fonte: Site oficial do Vasco