Futebol

Em partida sem gols, Vasco empata com o Atlético-GO

10

Na estreia de Vanderlei Luxemburgo, o torcedor notou a mudança de postura do Vasco, mais organizado, móbil e criativo. O empate em 0 a 0 com o Atlético-GO, nesta quinta-feira, no Estádio Antônio Accyoli, não era o resultado desenhado por Luxa, mas foi suficiente para o Cruzmaltino deixar o Z-4 do Campeonato Brasileiro após oito rodadas. Com 29 pontos, ganhou posição, agora como 16º colocado, mas consciente que o fantasma da Série B ainda não foi exorcizado.

Apesar do veto de última hora de Ricardo Graça, com suspeita de apendicite, substituído por Werley, as mudanças propostas pelo estreante da noite surtiram efeito. Com uma meio de campo mais leve e com bom entendimento e boa mobilidade de Bruno Gomes, Leo Gil e Juninho, o Vasco assumiu o controle do meio de campo no primeiro tempo. Adiantado, Pikachu teve boa participação ofensiva.

Com maior posse de bola, o Cruzmaltino criou, mas esbarrou no inspirado Jean. Com uma série de defesas nas finalizações de Talles, Pikachu, Cano e Leo Gil. O Dragão, também ameaçado de rebaixamento, respondeu no contra-ataque e Fernando Miguel fez uma corajosa saída e, com os pés, evitou o gol de Wellington Rato.

Na volta do intervalo, o Vasco não conseguir manter a intensidade que encurralou o Atlético-GO na defesa nos primeiros 45 minutos. É verdade que faltou perna depois do frenético ritmo imposto. O primeiro sintoma foi a perda do meio de campo. Os donos da casa equilibraram a posse de bola, mas não foram incisivos quando foram ao ataque.  

Com a entrada de Gabriel Pec, Andrey e Marcos Júnior, Luxa tentou renovar o fôlego e buscar os três pontos. E após boa jogada individual, Pec quase abriu o placar, numa finalização rente à trave esquerda de Jean. A resposta foi imediata e com sensação de gol para a torcida vascaína. Em cima da linha, Henrique o chute de Janderson. Eletrizante nos minutos finais, o jogo, no entanto, terminou sem gols. Fora do Z-4, o Vasco tem o Botafogo, penúltimo colocado, domingo, em São Januário.

ATLÉTICO-GO X VASCO

Atlético-GO: Jean, Arnaldo (João Vítor), João Victor, Oliveira, Éder e Natanael; Pereira, Marlon Freitas e Chico (Matheus Alves); Wellington Rato (Nicolas), Zé Roberto (Roberson) e Ferrareis (Janderson). Técnico: Marcelo Cabo

Vasco: Fernando Miguel, Léo Matos, Werley, Leandro Castan e Henrique; Bruno Gomes (Marcos Júnior), Léo Gil (Carlinhos) e Juninho (Andrey); Yago Pikachu (Gabriel Pec); Talles Magno (Neto Borges) e Cano. Técnico: Vanderlei Luxemburgo 

Estádio: Antônio Accyoli
Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)

Cartões amarelos: Marlon Freitas, Ferrareis e Zé Roberto ;Léo Matos e Juninho

Fonte: O Dia
  • Sábado, 16/01/2021 às 21h00
    Vasco Vasco 0
    Coritiba Coritiba 1
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quarta-feira, 20/01/2021 às 21h30
    Vasco Vasco
    Red Bull Bragantino Red Bull Bragantino
    Campeonato Brasileiro Estádio Nabi Abi Chedid
  • Domingo, 24/01/2021 às 20h30
    Vasco Vasco
    Atlético-MG Atlético-MG
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quarta-feira, 27/01/2021 às 19h15
    Vasco Vasco
    Palmeiras Palmeiras
    Campeonato Brasileiro Allianz Parque
  • Domingo, 31/01/2021 às 16h00
    Vasco Vasco
    Bahia Bahia
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quinta-feira, 04/02/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Flamengo Flamengo
    Campeonato Brasileiro Maracanã
  • Quarta-feira, 10/02/2021 às 19h15
    Vasco Vasco
    Fortaleza Fortaleza
    Campeonato Brasileiro Castelão