Ex-lateral do Vasco acerta com o Vitória-BA

12/03/2019 às 18h29 - FUTEBOL

O lateral-esquerdo Fabrício, de 32 anos, defenderá as cores do Vitória em 2019. O atleta teve o nome publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF e poderá atuar no Campeonato Baiano, já que a competição encerra somente na quarta-feira o prazo para inscrições de novos reforços. O clube ainda não anunciou oficialmente a contratação.

O jogador treinava na Toca do Leão desde o dia 28 de fevereiro e participou das atividades com bola comandadas por Marcelo Chamusca nos últimos dias. Fabrício está à disposição do treinador para atuar contra o Confiança, na quinta-feira, no Batistão, pela Copa do Nordeste.

Fabrício tem passagem pelas categorias de base do São Paulo e atuou por diversas equipes do país, como Corinthians, Cruzeiro, Internacional, Atlético-PR, Palmeiras, Portuguesa, Santo André e Bragantino. O último clube do lateral foi o Vasco, onde atuou em 21 partidas na temporada 2018 e marcou dois gols.

No Vasco, Fabrício se envolveu em uma polêmica com o torcedor cruzmaltino. Em maio, o jogador posou para uma foto ao lado de Rafael Galhardo, Paulão, Gabriel Félix, Erazo, Evander e Wellington. Na legenda, em tom provocativo, os jogadores fizeram menção às vaias recebidas.

Após o ocorrido, Fabrício chegou a disputar 10 jogos pelo Vasco. Em determinadas partidas, foi avançado para atuar como meia. Diante do Cruzeiro, foi vaiado o primeiro tempo inteiro e ouviu a torcida pedir para ele ser substituído. A pedido dos companheiros, foi mantido e deu assistência para o gol de Pikachu, que abriu o caminho para a vitória.

A polêmica com o torcedor do Vasco não foi a primeira da carreira de Fabrício. Em 2015, quando defendia o Internacional, ele se irritou com as vaias vindas das arquibancadas, fez gestos obscenos para os colorados e acabou expulso de campo. O jogador precisou ser contido por companheiros de time e foi retirado de campo por seguranças do clube.

Fonte: Globoesporte.com