Futebol

Feminino: Ricardo enfatiza importância do Vasco investir em CT próprio

0

O Club de Regatas Vasco da Gama, que já se destaca pelo trabalho árduo das categorias de formação de base, tem mais um motivo para se orgulhar. Após a primeira etapa da inauguração das novas instalações do novo CT e o hasteamento da bandeira, o Gigante da Colina que foi um dos pioneiros no futebol feminino, inclusive sendo berço de revelações como a rainha Marta, trabalha resgantando a tradição da modalidade e pensando nos próximos objetivos traçados.

O Cruzmaltino, que já tinha voltado a investir no futebol feminino, nos últimos três anos está criando o caminho com melhorias no suporte técnico, estrutural e profissional. O Vasco está em busca do sucesso da modalidade que também está em ascensão no mundo. O Presidente Administrativo, Alexandre Campello, comentou sobre o momento do futebol feminino no Clube.

– O Vasco já teve momentos que investiu no futebol feminino de forma mais pontual. Hoje nós começamos a ter um investimento mais perene na modalidade. Agora há pouco eu ouvi, de uma das pessoas que compõe a equipe feminina, um agradecimento pela minha gestão ter dado a maior atenção para o futebol feminino nos últimos anos. Espero que o trabalho tenha continuidade na próxima gestão e que cada vez mais a gente invista não só na base do masculino, mas também na formação de novas atletas no feminino- explicou Campello.

Foto: Dikran Júnior/ DivulgaçãoAlexandre Campello com membros da equipe do futebo feminino do Vasco no CT de Caxias
Alexandre Campello com membros da equipe do futebo feminino do Vasco no CT de Caxias

O supervisor Ricardo Rocha, integrante da comissão técnica do futebol feminino, estava presente durante a cerimônia e enfatizou a importância do Vasco investir em um CT próprio para as meninas e, futuramente, na Cidade do Vasco.

– Nós conseguimos ter um espaço destinado para nossas categorias que agora conseguem ter um melhor desenvolvimento e um local próprio para treino. É uma conquista muito grande e importante para a nossa modalidade. Com isso nós temos a oportunidade de ter um planejamento melhor de treinos para o futebol feminino- destacou Ricardo, que em seguida acrescentou sobre o apoio que a modalidade está recebendo do Clube:

– Desde o momento que estou participando dessa gestão atual do Club de Regatas Vasco da Gama, sempre houve um incentivo em fazer o futebol crescer. Muitos espaços foram abertos para as meninas ao longo desses três anos. Nós temos toda programação com a nossa comissão técnica e gerência, que sempre deixaram as portas abertas. Então, a nossa integração que já acontece ao longo desse período, junto com o futebol de base, fez o futebol feminino ter um poder de crescimento muito maior.

Foto: Dikran Júnior/ DivulgaçãoSupervisor Ricardo Rocha
Supervisor Ricardo Rocha

Ricardo Rocha finalizou a entrevista comentando sobre o projeto do Vasco em relação as Meninas da Colina, as expectativas para o futuro e o impacto do investimento no novo CT de Caxias para o futebol feminino:

– Com essa oportunidade de termos um CT próprio para treinamento, acredito que o futebol feminino do Vasco da Gama vai dar um salto de qualidade enorme. Com o espaço já definido, a gente consegue traçar metas a longo prazo. Esse é um dos objetivos do Club de Regatas Vasco da Gama, ou seja, o processo de formação. Possuindo um espaço, com logística e profissionais competentes trabalhando e alavancando a modalidade, temos tudo para ter um crescimento de qualidade, mostrando que o futebol feminino está bem representado e está em um local que tem uma camisa que honra tradições. A gente está vendo a base do masculino, sub-20, com várias conquistas nacionais e seguimos o mesmo parâmentro do futebol masculino referente ao projeto e programação. Com condições integradas, nós visamos todo o planejamento técnico e prático para trabalharmos as atletas e atingirmos os nossos objetivos e os melhores resultados.

Fonte: Site Oficial do Vasco