Futuros Gigantes: Davi Gomes, Breno e Lucas Noronha declaram amor ao Vasco

31/12/2017 às 16h57 - CATEGORIAS DE BASE

Descobrir talentos nas mais variadas regiões do Brasil sempre foi uma forte característica do Vasco da Gama. Nos últimos anos, em virtude do bom trabalho desenvolvido nas categorias de base, o Gigante da Colina voltou a investir na captação de atletas. Uma das estratégias adotadas pelo Cruzmaltino para encontrar jovens promissores é a instalação de núcleos oficiais em diversos municípios.

Localizado em Macaé, um deles contribuiu de forma efetiva para o bom rendimento das equipes sub-09, sub-10 e sub-11 na temporada de 2017. Três atletas descobertos pelo núcleo oficial se destacaram pelo Cruzmaltino durante as conquistas do Festbolin, do Torneio Integração e da Copa Light, respectivamente: o atacante Davi Gomes, o meio-campo Breno Vereza e o zagueiro Lucas Noronha.

Artilheiro do Vasco na campanha do Tricampeonato do Festbolin sub-09, Davi Gomes iniciou sua trajetória no futebol aos seis anos de idade, mas apenas no atual ano desembarcou em São Januário. Fã de Philippe Coutinho, o jovem foi aprovado num teste realizado pelo clube no mês de abril e desde então passou a integrar a equipe fraldinha, composta por garotos nascidos no ano de 2008.
 

- Foi um ano muito bom para mim, pois tive a oportunidade de realizar o meu sonho. Eu sempre quis jogar aqui no Vasco, desde que comecei lá na escolinha em Macaé. O Festbolin foi o meu primeiro campeonato e graças a Deus consegui ser campeão e artilheiro. Gosto de chutar para o gol, driblar e também de armar as jogadas. Meu ídolo é o Philippe Coutinho, que foi criado aqui na base e joga muito - afirmou o pequeno Davi Gomes.

Outro que carrega a cruz de malta no coração e passou a vestir a camisa vascaína após se destacar numa peneira foi o meio-campo Breno Vereza. O garoto atua no meio-campo e foi uma espécie de 12º jogador do time sub-10 durante a conquista do Torneio Integração. Destaques do Cruzmaltino na reta final do Brasileirão, os pratas da casa Evander e Paulinho são referências para o armador.

- Estar no Vasco é muito bom. É o meu time de coração, onde sempre quis jogar, a realização de um sonho. Eu gosto muito do Paulinho pelos dribles e a velocidade que ele tem. Admiro também o Evander, que é forte e chuta muito bem. Foi muito bom conquistar meu primeiro título no Vasco, melhor ainda por ter sido em cima do Flamengo e ter tido a chance de dar a volta olímpica, com a torcida cantando. Foi emocionante - disse Breno Vereza.

Titular do sub-11 na Copa Light e durante a reta final do Campeonato Metropolitano, Lucas Noronha chamou a atenção do Gigante da Colina durante um torneio de núcleos oficiais do Vasco realizado em São Januário. A equipe pelo qual o defensor jogava acabou se tornando campeã e as boas atuações o fizeram encantar os observadores cruzmaltinos, que não pensaram duas vezes e o inseriram no grupo pré-mirim.
 

- Sou vascaíno e sempre quis jogar no Vasco. Ficava vendo foto do sub-11 jogando e sempre pedia para o meu avô me trazer nos jogos. Foi quando apareceu a oportunidade e procurei abraçar. É a realização de um sonho para mim. Eu nem imaginava que iria jogar o Metropolitano, mas aconteceu e agradeço muito a Deus por isso. Essa geração é muito forte e fazer parte dela é uma honra. Ano que vem vamos tentar ganhar todos os campeonatos - declarou Lucas Noronha.

Foto: Site Oficial do VascoJovens
Jovens

Fonte: Site oficial do Vasco

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario