Guarin e Juninho seguem com futuro incerto na Colina

21/07/2020 às 08h11 - FUTEBOL

Talvez o setor com mais opções tanto em termos de qualidade quanto de variação de peças na virada do ano, o meio-campo do Vasco virou uma incógnita para o treinador Ramon Menezes, principalmente em relação aos volantes. Nos últimos dias, Raul aceitou proposta do Bragantino e deve assinar contrato de dois anos em breve.

Mas há outras possíveis duas baixas: Juninho e Guarín, ambos com características mais ofensivas do que Raul e com maior poder de construção de jogo.

Juninho e Guarín com situações indefinidas

Por conta de discordâncias em relação a valores propostos para a renovação de contrato, Juninho está afastado. O jovem de 19 anos também tem problemas na questão da representação. Ele não quer seguir sendo agenciado pela MAB Gestão & Intermediações, empresa com a qual tem vínculo até janeiro de 2021.

O atual contrato de Juninho vence em 31 de maio de 2021. O lado financeiro motivou os dois imbróglios do atleta, tanto com seu atual representante quanto com o Vasco. Entende que merece ser valorizado.

Fredy Guarín tem problema de outra natureza. Enfrenta uma questão pessoal e está na Colômbia para tentar resolver isso. Pede ao Vasco paciência e tempo para voltar do país onde nasceu com tudo solucionado, mas o clube já não tem a mesma tolerância.

Ramon Menezes e Leandro Castan falaram recentemente em entrevistas que precisam de um Guarin 100% focado no Vasco. A demora do colombiano em resolver essa questão e até mesmo a boa vontade do clube incomoda correntes dentro de São Januário.

Boa nova: Bruno Gomes perto de renovar

Com contrato a vencer em julho de 2021, o volante Bruno Gomes está perto de resolver sua questão na Colina. Após um bom final de 2019, valorizou-se dentro do clube e, com isso, espera ter o mesmo reconhecimento na questão financeira.

Após reuniões nas últimas semanas, o staff do atleta e a diretoria vascaína parecem perto de um denominador comum, e uma renovação até o fim de 2023 deve ser assinada nos próximos dias. O Uol publicou a informação do avanço da negociação.

Como fica o meio do Vasco

A saída de Raul abre espaço para Fellipe Bastos, que foi bem em sua estreia na temporada, nos 3 a 1 sobre o Macaé, e jogou bem contra o mesmo Macaé e diante do Porto Velho em jogos-treinos.

Andrey segue como destaque do setor e titular absoluto da equipe. O crescimento em 2020, aliás, o torna outra possível baixa, já que europeus tentaram tirá-lo de São Januário após o ótimo ano de 2018 que realizou.

Benítez é o favorito para seguir na armação, e Bruno César corre por fora.

Confira quem são os meio-campistas que estão à disposição no momento para Ramon Menezes: Fellipe Bastos, Bruno Gomes, Andrey, Marcos Júnior, Caio Lopes, Martín Benítez, Bruno César e Gabriel Pec.

Fonte: GloboEsporte.com