Henrique: 'Foi emocionante tudo que aconteceu'

22/07/2019 às 09h05 - FUTEBOL

Uma das novidades na escalação do Vasco da Gama para o clássico contra o Flumimense, o lateral Henrique teve boa atuação e justificou o voto de confiança dado pelo treinador Vanderlei Luxemburgo. O prata da casa contou com o auxílio do experiente zagueiro Leandro Castan para fechar o lado esquerdo da retaguarda cruzmaltina e dificultar as ações do ataque tricolor naquele setor. 

- Fizemos uma preparação muito forte lá em Foz de Iguaçu há algumas semanas, e precisávamos colocar tudo em prática num jogo. Era uma partida importante, um clássico contra um dos nossos rivais, e sabíamos que a vitória nos traria um ânimo ainda maior para a sequência da competição. Foi um grande resultado e que serviu para aumentar a nossa confiança - afirmou o camisa 37.
Jogador com mais tempo no elenco principal, Henrique conhece muito bem o histórico de viradas do Gigante da Colina. O Almirante se notabilizou ao longo de sua trajetória por reverter placares adversos para conquistar resultados expressivos, caso, da decisão da Copa Mercosul de 2000, quando venceu após estar perdendo por 3 a 0. Em São Januário, no último sábado (20/07), não foi diferente.

- O Vasco tem como característica não desistir nunca, lutar até o fim pelos resultados. Foi lindo, da nossa entrada em campo até o apito final. Eu lembro que eu não consegui escutar o hino em nenhum momento. Só conseguia escutar o grito da torcida. Foi emocionante tudo que aconteceu. O mais importante é que conseguimos colocar nosso futebol em prática - disse o lateral, enaltecendo também a festa da torcida.

Estar em campo numa vitória sobre o Fluminense não é nenhuma novidade para Henrique. Além de ter levado a melhor sobre o rival diversas vezes nas categorias de base, o lateral tem outras boas recordações desse clássico. Sua estreia no profissional, em 2013, foi com triunfo sobre o Tricolor. Foi diante do clube das Laranjeiras também que o camisa 37 disputou a primeira final como titular. O resultado? Título da Taça Guanabara de 2016.

- Pior que é verdade. Eu tenho esse bom retrospecto contra o Fluminense. É um clássico e sabemos como é importante para o clube vencer jogos desse tipo. Estou bastante feliz. Agora é descansar, até porque semana que vem teremos um outro jogo difícil pela frente - finalizou Henrique, referindo-se ao duelo contra o Palmeiras, que acontecerá no sábado (27), às 17 horas, em São Paulo.

Fonte: Site oficial do Vasco