Joel Carli vê com bons olhos interesse do Vasco

24/07/2020 às 09h59 - FUTEBOL

Sem poder de investimento, o Vasco adotou uma linha estratégica no mercado da bola para se reforçar visando o Campeonato Brasileiro: jogadores sem contrato ou que cheguem por empréstimo.

Sob a batuta do vice de futebol, José Luiz Moreira, do diretor-executivo, André Mazzuco, e do coordenador-técnico, Antônio Lopes, o Cruz-Maltino tem feito algumas sondagens. As prioridades são um lateral esquerdo, um volante e um atacante de ponta. Um zagueiro também não está descartado.

Alguns dos nomes que o Vasco buscou informações foi do atacante Yony González e do zagueiro Joel Carli. No caso do jogador colombiano, ele tem contrato com o Benfica, de Portugal, e esteve emprestado ao Corinthians. Os vencimentos podem ser um obstáculo aos avanços das tratativas.

Já Carli está livre no mercado depois de ter sido dispensado pelo Botafogo no início do mês passado. Antônio Lopes, hoje coordenador técnico do Vasco, conhece bem o defensor e foi um dos responsáveis pela chegada dele no Alvinegro, em 2016.

Segundo o UOL Esporte apurou, inicialmente, o jogador vê a negociação com bons olhos, até pelo fato de sua família já estar adaptada ao Rio de Janeiro e ele pretender ficar no futebol brasileiro. Valores, porém, ainda não foram colocados à mesa.

O interesse pela dupla foi informado inicialmente pelo jornalista Gilmar Ferreira e confirmado pelo UOL Esporte.

Estrangeiros oferecidos

Paralelamente, o Vasco tem sido procurado por uma série de empresários ofertando jogadores estrangeiros. A diretoria e a comissão técnica têm feito análises sobre os nomes que chegam e podem evoluir nas tratativas nos próximos dias com atletas do meio de campo e do ataque.

Até o momento, os únicos reforços neste período entre o Campeonato Carioca e o Campeonato Brasileiro foram o zagueiro Marcelo Alves e o atacante Ygor Catatau, ambos do Madureira. Eles chegam por empréstimo até o fim da competição nacional.

Fonte: UOL Esporte