Jogadores aceitam Romário no Corinthians

04/01/2006 às 15h04 - FUTEBOL

Romário ainda não foi contratado, mas suas regalias já foram aceitas pelo elenco corintiano que promete: não irá se opor às mordomias dadas pela diretoria ao \"baixinho\", que negocia com os dirigentes para defender a camisa do Timão em 2006.

\"Se ele tem esse tipo de privilégio é por tudo que conquistou em sua carreira. Isso não será um problema para o restante do grupo\", comentou o meia Carlos Alberto, amigo pessoal de Romário, que foi o artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2005, com 22 gols.

No Vasco, clube que defendeu em 2005, Romário não precisa se concentrar antes das partidas. Não faz viagens longas e não é obrigado a comparecer nos eventos propostos pela diretoria.

O relacionamento conturbado entre Romário e o meia Roger, que também integra o elenco do Timão não é considerado por Carlos Alberto como um fator que atrapalhe nas negociações com o tetracampeão do mundo.

Campeão brasileiro no ano passado, Carlos Alberto afirmou, inclusive, que tentará reaproximar os desafetos, que se desentenderam quando ainda atuavam com a camisa do Fluminense.

\"Quem é que nunca teve um desentendimento e depois se tornou amigo da outra pessoa? Esse tipo de coisa é normal. Sou amigo do Romário e posso ajudar ele a se entrosar com o grupo\", declarou o jogador.

Responsável pelo surgimento de Romário em 1985, Antonio Lopes, hoje no cargo de técnico do Corinthians não quis comentar a possibilidade de o atacante vestir a camisa do clube do Parque São Jorge.

\"Não vamos comentar sobre possíveis contratações. Falo apenas dos atletas que já foram contratados\", disse o treinador, que voltou juntamente com o elenco nesta quarta-feira, após férias de 30 dias.

Fonte: Pelé.Net