Jornalista comenta sobre venda de Nathan ao Boavista-POR

08/09/2020 às 18h20 - IMPRENSA

Nem 8 e nem 80. A venda foi boa nas circunstâncias contratuais que o Nathan se encontrava. Não quis renovar. O Vasco não quis perder de graça. Não é hora de massacre por “ingratidão”. É preciso respeitar a vontade do atleta e, principalmente, do ser humano. Só sabe quem passa.

No fim, ficou de “bom” tamanho para os dois.

Fonte: Twitter do jornalista Lucas Pedrosa