Justiça do Trabalho homologa dívida do Vasco com Andrezinho; entenda

18/05/2020 às 19h06 - CLUBE

O juiz Marcel da Costa Roman Bispo, da Vara 55 do Rio do Tribunal Regional do Trabalho da Primeira Região (TRT-1) homologou, nesta segunda-feira, o valor da condenação do Vasco a favor de Andrezinho. O Esporte News Mundo teve acesso a detalhes do caso. O montante bruto devido pelo Cruz-Maltino ao jogador é de R$ 1.610.896,42.

Deste valor, R$ 367.243,16 são relativos a juros, e R$ 1.243.653,26 relacionados a cláusula compensatória (parcela indenizatória), salário retido, saldo de salário, décimo terceiro salário e Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), então dívidas transitadas em julgado no início do ano – valores já corrigidos pelo sistema da contadoria do TRT-1.

Na decisão, o magistrado deu 48 horas para o Vasco apresentar comprovante de depósito judicial ou garantir o pagamento da execução, mas este ponto deve ser revisto pelo processo de Andrezinho contra o clube ter sido ajuizado no ano de 2017 e o Cruz-Maltino estar no Ato Trabalhista – transferindo, assim, a forma de pagamento.

Durante o período que defendeu o Vasco, Andrezinho entrou em campo 90 vezes – sendo 45 vitórias, 22 empates e 23 derrotas -, marcando oito gols.

Fonte: Esporte News Mundo