Futebol

Mais respostas de Rafael Paiva na coletiva de Athletico-PR x Vasco

Psicológico do elenco com quatro derrotas seguidas
— É um momento difícil, mas é um grupo experiente. Eles têm total consciência de tudo que está acontecendo. É um grupo que trabalha muito, não falta trabalho, eles trabalham em alta intensidade, alto nível. Buscam o tempo todo. O Brasileiro é um campeonato muito competitivo, muito difícil de se jogar. Contra o Criciúma, foi um jogo que saiu um pouco da normalidade. Mas acredito que tínhamos feito um bom jogo contra o Bragantino, contra o Fluminense. Não venceu, isso pesa muito. Temos que trabalhar, não tem o que fazer. Tem que trabalhar, se organizar, acreditar, dar resposta contra o Vitória. É isso que vamos trabalhar para fazer. Tentar dar a resposta agora, buscar as vitórias e o caminho de novo. Temos que ser fortes para passar por essa situação difícil.

Erro de Hugo Moura e expulsão
— O que aconteceu com o Hugo, poderia ter acontecido com qualquer jogador. O erro do Hugo foi um erro do Vasco. Temos que se reorganizar para melhorar, não para ver quem errou.

Pontos positivos e negativos da equipe
— A gente vinha de, se não estou enganado, sete jogos em que estava tomando gol. Contra o Fortaleza, já conseguiu passar um jogo sem tomar gol. Aqui, apesar de ficarmos com um a menos aos 15 do primeiro tempo, nos defendemos bem. É um ponto positivo. Precisamos buscar o equilíbrio. Agora é tentar jogar um pouco mais com a bola, ter o caminho do gol mais marcado, terminar melhor as jogadas, machucar mais o adversário. Acho que tivemos essa posse no segundo tempo. Temos capacidade para fazer, é nisso que temos que tentar insistir. Continuar sendo firme defensivamente, agressivo, proteger bem o gol. Um pouco de equilíbrio para construir um pouco melhor, refino para tentar terminar um pouco melhor as jogadas e buscar a vitória. Vai passar muito por cima desses comportamentos.

Início de pressão do Athletico
— Sofremos sempre muito no início do jogo aqui, então colocamos dez, 15 minutos, vamos sofrer sem tomar gol para tentarmos entrar no jogo. E foi exatamente o tempo que sofremos, mas perdeu um jogador. Sofremos dobrado praticamente, até se reajustar. Isso demorou um pouco mais, não retemos a bola. No intervalo, conseguimos ajustar bem, porque entendemos a forma que eles estavam tentando buscar o gol.

Melhora no segundo tempo
— Temos qualidade para jogar, é um time que tem qualidade, gosta da bola. Jogamos no segundo tempo, colocar a bola no chão. Poderíamos ter terminado melhor as jogadas, mas acho que conseguimos ficar mais com a bola. É isso que temos que tentar levar para o próximo jogo. Se tem algo bom numa derrota como essa, é o quanto soubemos sofrer sem tomar o segundo gol, ter a posse, saber que temos qualidade para jogar, tentar buscar o gol. É isso que tentaremos levar para o próximo jogo.

Fonte: ge
  • Domingo, 12/05/2024 às 18h30
    Vasco Vasco 2
    Vitória Vitória 1
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Domingo, 26/05/2024 às 16h00
    Vasco Vasco
    Palmeiras Palmeiras
    Campeonato Brasileiro - Série A Arena Barueri
  • Domingo, 02/06/2024 às 18h30
    Vasco Vasco
    Cruzeiro Cruzeiro
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • A definir
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir