Nova proposta de estatuto quer aumento de tempo de associação para voto

01/11/2019 às 18h33 - CLUBE

Convocada para o próximo dia 8 de novembro, a próxima reunião do Conselho Deliberativo do Vasco discutirá, em sessão extraordinária, uma nova proposta de reforma do Estatuto do Clube. Dentro dos assuntos mais importantes, está o tempo mínimo do associado para ter poder de voto: passa de um para três anos.

II - estejam associados ao CLUBE há, no mínimo, 3 (três) anos e estejam quites, dentro do critério de efetividade social, estabelecido no artigo 159 desse Estatuto.

Outro ponto que muda na proposta também refere-se à questão de tempo. Para ser elegível ao cargo de presidente, o candidato precisa ter no mínimo oito anos de associado, não mais cinco. Além disso, deverá ter, pelo menos, um mandato como conselheiro

Além da nova proposta para o Estaturo, os conselheiros irão discutir na próxima sexta-feira a possibilidade de eleições diretas para a diretoria administrativa.

Atualmente, a chapa vencedora indica 120 conselheiros, e a segunda colocada nomeia 30. Estes 150 se juntam a outros 150 conselheiros natos para participar da votação final, no Conselho Deliberativo. Pela primeira vez na história, a última eleição não seguiu o resultado das urnas, que havia tido a chapa de Julio Brant como vencedora.

Fonte: GloboEsporte.com